Última versão do navegador Brave permite saques em BAT

O gerente de produtos da startup do navegador blockchain Brave Browser, Alex Wykoff, anunciou que os usuários que usam a versão mais recente do software poderão fazer saques de seus tokens BAT, segundo post no fórum da comunidade da BraveProduct publicado em 24 de julho.

Novo recurso na versão nightly

De acordo com o anúncio, os usuários da última versão nightly (instável e ainda em desenvolvimento) do Brave Browser podem sacar seus tokens BAT depois de uma verificação de identidade junto à startup cripto bancária UpHold.

Após a verificação, os usuários também poderão comprar mais tokens BAT, caso desejem contribuir ainda mais para a manutenção do site e a criação de conteúdo, além do que já recebem com a visualização de anúncios.

Requisitos de verificação de identidade

Wykoff explica que o recebimento de tokens BAT através da visualização de anúncios e o envio desses tokens como dicas e auto-contribuição para os criadores de conteúdo seguem funcionando como anteriormente. A novidade agora é que para adicionar fundos de qualquer fonte externa - como um cartão de crédito, conta bancária ou até mesmo outra carteira cripto - os usuários precisam primeiro verificar sua identidade junto ao UpHold.

Além disso, o post também explica que os criadores também precisam ser verificados junto ao UpHold para receber sugestões de que criadores não verificados, caso contrário não poderão participar da "autocontribuição".

Principais problemas da atual nightly

Wykoff também admite que este lançamento - que ainda não está na versão final - apresenta algumas questões fundamentais, como o fato de que o endereço de carteira do usuário e o nome de usuário Uphold ficarem visíveis para os criadores de conteúdo quando recebem uma dica, e a necessidade de apenas os editores com um canal ativo sejam verificados.

Ainda assim, espera-se que ambas as questões sejam resolvidas em agosto. Finalmente, outros problemas ainda identificados é o fato de alguns usuários enfrentarem falhas na autorecompensa e que os depósitos automáticos de recompensas nem sempre estão funcionando corretamente.

Como o Cointelegraph publicou em abril, o Brave lançou o Brave Ads, uma opção que permite que seus usuários ganhem recompensas por assistir a publicidade.