Segundo maior banco da Coreia assegura serviços de cripto carteira

Em um anúncio substancialmente importante para a criptomoeda na Coreia do Sul, o segundo maior banco do país, o Shinhan Bank, anunciou que está no processo de construir carteiras de criptomoeda para que os clientes armazenem seus ativos digitais de forma segura.

O relatório vem depois que os servidores da Bithumb falharam em novembro, e os dados privados de 30 mil usuários foram vazados em junho. O novo serviço seria mais seguro do que os serviços externos, de acordo com o porta-voz do banco. O banco oferecerá depósitos sem taxa, mas as retiradas terão uma taxa anexada. Segundo a declaração do banco:

"É um serviço que mantém a chave Blockchain através do cofre virtual fornecido pelo banco. Estamos procurando maneiras de fornecer um serviço gratuito ao depositar e cobrar uma taxa ao retirar".

O anúncio acrescenta mais apoio ao crescimento substancial na adoção institucional. Com anúncios recentes sobre os futuros de Bitcoin da Chicago Mercantile Exchange, bem como um grande número de novos fundos de cobertura Bitcoin, a adoção institucional tradicional continua a crescer.