Operadora móvel LGU+ da Coreia lança sistema de pagamento internacional baseado em blockchain

A LG UPlus, uma operadora de celular sul-coreana pertencente ao quarto maior conglomerado do país, a LG Corp., está lançando um serviço de pagamento internacional baseado em blockchain, informou o Korea Times hoje, 16 de setembro.

Na última quinta-feira, 13 de setembro, a LG UPlus assinou um MoU para desenvolver o novo serviço ao lado de três parceiros globais: a Far EasTone Telecommunications de Taiwan, a SoftBank do Japão e a TBCASoft, com sede nos EUA. Por meio do novo serviço, os usuários de uma operadora de telecomunicações poderão concluir transações sem atrito nas redes de pagamento de outra.

De acordo com o Korea Times, o primeiro teste do sistema de pagamento interoperadora (CCPS) baseado em blockchain dos parceiros da LG UPlus está previsto para o início de 2019.

O CCPS implantará o blockchain para ativar um mecanismo de liquidação imediata em serviços de transportadora cruzada. Isso significará que os usuários podem evitar taxas em transações de cartão de crédito no exterior e são isolados dos efeitos das taxas de câmbio flutuantes à medida que são cobradas através de sua operadora em sua moeda local.

Por exemplo, o serviço permitirá que os assinantes coreanos da LG UPlus comprem produtos de varejo ao usar seus celulares em Taiwan e no Japão, enquanto os usuários do Far EasTone de Taiwan desfrutarão da mesma conveniência na Coreia e no Japão.

Ling Wu, fundador e CEO da TBCASoft, disse ao Korea Times que o sistema de pagamento cross-carrier é o primeiro de uma série planejada de soluções baseadas em blockchain específicas para telecomunicações, observando que os sistemas projetados para “identidade e autenticação” são os próximos.

Far EasTone, SoftBank e TBCASoft estão entre os membros fundadores iniciais do CBSG (Carrier Blockchain Study Group), um consórcio global de operadoras de telefonia que foi lançado no final de 2017. Conforme relatado no início deste verão, o CSBG revelou recentemente a criação de um novo grupo de trabalho blockchain que se concentrará nos serviços de remessas globais, além de acrescentar seis outras importantes firmas globais de telecomunicações a suas fileiras.

Na semana passada, a Softbank divulgou uma nova prova de conceito (PoC) em parceria com a Synchronoss Technologies e a TBCASoft para usar o CCPS para permitir que os usuários realizem transferências de dinheiro peer-to-peer globalmente usando serviços legados de mensagens, como SMS e e-mail.