Pesquisa do banco central da Coreia: Mais de 20% dos cidadãos estão cientes das criptomoedas.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo banco central sul-coreano do Banco da Coreia (BOK) , jovens cidadãos na casa dos 20 e 30 anos não estão apenas familiarizados com criptomoedas , mas também estão dispostos a investir neles em meio ao frenesi da moeda digital do país , informou a Yonhap na terça-feira, 27 de Março.

A pesquisa da BOK mostrou que 21,6% dos 2.511 entrevistados estão cientes das moedas digitais.

Dentro desses 21,6%, o percentual de conhecimento dos entrevistados na faixa dos 20 e 30 anos aumentou para 29,4% e 40,3%, respectivamente. Indo mais longe, o percentual daqueles que estão ansiosos para investir em criptomoedas foi de 24,2% para aqueles em seus 20 anos, e 20,1% dos entrevistados em seus 30 anos.

Quanto à população mais idosa, os números são notavelmente menores. Apenas 5,7% das pessoas na faixa dos 60 anos e 2,2% das pessoas na faixa dos 70 anos disseram ter ouvido falar sobre criptomoedas, enquanto 6,8% e 8,3%, respectivamente, afirmaram que investiriam em moedas digitais.

Em Outubro de 2017, o governador do BOK, Lee Ju-yeol, declarou que as criptomoedas como Bitcoin (BTC) seriam reguladas como uma commodity no país, e não como uma moeda:

“É difícil olhar para elas (moedas virtuais) como dinheiro pela (definição) do Bank of International Settlements (BIS). A regulação (de moedas virtuais) é apropriada porque é considerada uma mercadoria. Ela Não pode ser regulada ao nível de uma moeda ”.

Recentemente, a Cointelegraph relatou que 21,2% dos estudantes universitários dos EUA usaram dinheiro de empréstimos para financiar o investimento em criptomoeda, enquanto funcionários da indústria das moedas digitais preferem ser pagos em cripto.