Regulador japonês concede à SBI Ripple Asia uma licença de pagamentos para um aplicativo baseado em blockchain

A empresa de serviços financeiros SBI Holdings anunciou que obteve uma licença dos reguladores japoneses para sua operação conjunta de transferência de dinheiro em conjunto com a Ripple em um comunicado na quarta-feira, 26 de setembro.

A SBI Ripple Asia, um empreendimento em desenvolvimento com a Ripple desde 2017, agora tem permissão para lidar com pagamentos eletrônicos como um “Provedor de Serviço de Agência de Liquidação Eletrônica” sob a legislação lançada em março daquele ano.

De acordo com a declaração da SBI, seu aplicativo de smartphone MoneyTap — que permitirá aos usuários enviar pagamentos usando uma plataforma baseada na tecnologia de livro-razão distribuído (DLT) — está agora mais perto do lançamento ao público. A declaração adiciona:

“A SBI Ripple Asia está planejando registrar a liquidação eletrônica e outras empresas de liquidação para implementar adequadamente os pagamentos eletrônicos e outros aspectos de liquidação relacionados ao MoneyTap no futuro.”

Em junho, a SBI Holdings lançou sua casa de câmbio VCTRADE, com o Ripple (XRP) como o primeiro ativo a receber suporte, e o Bitcoin (BTC) vindo na sequência. No início desta semana, a SBI Holdings informou que testaria sua “S coin” baseada em blockchain para fazer compras no varejo com os smartphones dos usuários.

O Japão continua a aprimorar sua supervisão regulatória do setor de troca de cripto em particular, com a Agência de Serviços Financeiros do país (ASF) confirmando que os novos participantes do mercado passariam por verificações cada vez mais rigorosas antes de obter a licença necessária.