O mercado da criptomoeda está florescendo ou amadurecendo?

As opiniões aqui expressadas são pessoais e não representam necessariamente as opiniões da Cointelegraph.com

2017 foi um ano inovador para o mercado digital no tocante às grandes moedas como Bitcoin, Ethereum e Ripple aumentando a conscientização do mercado convencional, e as novas aplicações inovadoras da tecnologia Blockchain impulsionaram retornos impressionantes. Ainda mais importante, esse ritmo de bolhas para todo o ecossistema como um todo está sendo impulsionado pelo enorme aumento do apetite do lado dos investidores, sem sinal algum de diminuição.

A velocidade vertiginosa em que o mercado da criptomoeda se expandiu no ano passado não foi sem seus tropeços e também uma justa parcela de céticos. Para muitos veteranos, a atual mania das moedas digitais se assemelha à loucura do final dos anos 90 e ao auge da bolha ".com".

A volatilidade das negociações ao longo dos últimos meses não ajudou as crescentes vozes da especulação. Mesmo que a Bitcoin tenha atingido cerca da metade do seu valor em um único dia (e que este não é o único incidente semelhante), tudo isso prova que os maiores balanços de preços ainda são uma grande preocupação, e o mercado é incrivelmente instável. Outros, no entanto, contestam que , mesmo que a indústria enfrentasse uma bolha , isso poderia levar a um mercado mais maduro e inovador.

David Stockman , ex-diretor do Escritório de Gestão de Ronald Reagan:

"É basicamente uma classe de especuladores realmente estúpidos que se convenceram de que as árvores crescem até o céu. Isso vai queimar em um acidente espetacular. Todos esses especuladores dos últimos dias terão as mãos queimadas e torradas e aprenderão a devida lição ".

À medida que os pretendentes são eliminados, os observadores argumentam que o setor se estabilizará e continuará expandindo a um ritmo mais constante.

Jeffrey Kleintop , estrategista-chefe de Charles Schwab:

"... Eu acho que a bolha Bitcoin, se você quer chamar assim, é algo totalmente diferente. Se os preços de Bitcoin despencassem de repente, uma vez que é tão independente do sistema financeiro, é como se fosse uma coisa particular. Ainda não está incorporada na economia e na estrutura financeira ".

Mesmo assim, o debate não é inteiramente no preto sobre o branco. O ecossistema da criptomoeda mostrou sinais de estar em uma bolha - avaliações desproporcionais para empresas sem produtos reais, uma taxa alarmante de novas ICOs, aumento significativo no números de golpes e lançamentos falhos - mas também mostrou sinais de um futuro mais estável.

Marianne Lake , diretora financeiro da JPMorgan:

"Nós temos a cabeça bem aberta para os casos de potencial uso das moedas digitais no futuro, que serão devidamente controladas e regulamentadas".

As principais moedas, como Bitcoin e Ethereum, estão entrando lentamente no "mainstream" financeiro, já que as transações tradicionais oferecem cada vez mais instrumentos relacionados ao mundo cripto, e os comerciantes também estão começando a aceitar mais criptomoedas como formas de pagamento. No entanto, a questão permanece válida - o mercado de criptomoedas está em pleno crescimento ou está finalmente crescendo?

Caminhando para o "boom"

Existem várias indicações que o ecossistema cripto pode estar no meio de uma enorme bolha. A situação foi comparada repetidamente com a bolha ".com" e, em alguns casos, as semelhanças são claras. Impulsionados pela emoção de uma tecnologia nova e potencialmente revolucionária, os investidores aproveitaram milhões em financiamento para empresas que prometiam os céus, mas na maior parte não conseguiram entregar absolutamente nada.

A bolha                    

A bolha ".com"  [Imagem: Negócio privilegiado]

Nos anos 90, tudo era sobre o aumento da Internet. Já o mercado atual é sobre Blockchain, a arquitetura subjacente à maioria das criptomoedas. A capitalização de mercado para criptomoedas continua a aproximar-se da marca de $1 trilhão , apesar dos balanços agressivos que movimentaram essa marca entre $700 e $800 bilhões nos últimos meses.

Coinmarketcap

Imagem: Coinmarketcap

Além disso, o "boom" atual nas avaliações das moedas digitais tem sido conduzido em grande parte por um ecossistema completamente desregulado. Parece recompensar os recursos mais fascinantes, mesmo quando suas aplicações práticas podem ser duvidosas na melhor das hipóteses. Isso está bem explícito em capitais de grande porte, muitas empresas baseadas em Blockchain decolaram. Somente no segundo trimestre de 2017, as ICO levantaram quase $800 milhões em financiamento , gerando nos seis primeiros meses $1,3 bilhão em capital.

Individualmente, as maiores criptomoedas atingiram avaliações que nem sequer eram contempladas há apenas um ano. A Bitcoin, a primeira e maior criptomoeda por capitalização de mercado, aumentou em 1.700% nos últimos 12 meses, subindo de pouco mais de $800 para quase $20.000 antes de se estabelecer um pouco mais abaixo.

A Bitcoin Cash, Litecoin e Ethereum tiveram trajetórias semelhantes em 2017. As indicações sugerem que o crescimento será contínuo. Os sinais de uma bolha estão aí, e esse "boom" atual parece insustentável. No entanto, a realidade pode revelar-se um pouco diferente, por uma variedade de fatores. A recente volatilidade em todos os setores, liderada por um acidente na avaliação da Ripple após o suposto anúncio da Coreia do Sul para uma proibição das operações de criptomoedas, mostra que a indústria é suscetível a balanços maciços.

Gráfico Ripple

Imagem: Coinmarketcap

Mesmo assim, historicamente as quedas foram seguidas por correções ascendentes nos últimos meses, mostrando o poder de permanência do mercado.

Um mercado de criptomoedas mais maduro

Mesmo que os gritos de uma bolha tenham se tornado mais altos, o mercado de moedas digitais realmente evoluiu em direção à maturação. Por um lado, os governos estão começando a reconhecer o potencial das criptomoedas e abraçá-las de algumas maneiras. Em 2017, o Japão reconheceu a Bitcoin como método de pagamento legal, além de certificar várias agências de câmbio digital para operar dentro de suas fronteiras. A Rússia anunciou planos para criar sua própria criptomoeda, a CryptoRuble, e até a Venezuela revelou planos para também lançar sua própria moeda digital.

Outros começaram a regulamentar o mercado de criptomoeda, oferecendo esperança de que o aumento da estabilidade conduza a uma maior adoção. A UE e vários países asiáticos têm promulgado novas leis para trazer alguma ordem para o mercado. Mesmo nos EUA, as principais bolsas começaram a oferecer Bitcoin futures como ferramentas para uma maior participação de investimentos institucionais.

Dennis Gartman , economista e analista de commodities e também editor do The Gartman:

"Ele (criptomoeda) está ganhando algum senso de legitimidade pelo Cboe.

... Quando eles (os detentores de criptomoedas) começam a pagar impostos sobre elas, quando ela (moeda digital) deixa de ser uma via para evitar impostos, quando ele (mundo da criptomoeda) deixar de ser um lugar onde comerciantes de drogas estão negociando e fazendo transações, então eu estarei interessado. "

Mais importante ainda, as empresas e os empresários abraçaram o Blockchain, a tecnologia subjacente do mercado, criando um ecossistema próspero de aplicações e serviços.

As empresas estão encontrando melhores maneiras de utilizar as capacidades do Blockchain, ao invés de confiar nos ganhos especulativos das criptomoedas. Várias empresas já introduziram soluções que melhoram várias atividades comerciais tradicionais, desde a criação de melhores acordos - empresas como a Jincor, que oferece uma simples criação de contratos inteligentes - para oferecer aos consumidores melhor acesso a serviços como financiamento e armazenamento em nuvem. As startups Blockchain como a Cryptopay estão facilitando os pagamentos com criptomoedas, enquanto outras como a SelfKey estão focadas na criação de melhores formas de identificação para os indivíduos. Além disso, no setor financeiro, empresas como a Legolas estão melhorando as plataformas de gestão de patrimônio e investimento.

Essas aplicações estão rapidamente ganhando popularidade, e as novas empresas estão encontrando maneiras diversas de migrar seus serviços para essa arquitetura. No entanto, muitos têm barreiras naturais, já que Blockchain exige uma nova rodada de desenvolvimento e contratações.

Atualmente, a maioria das empresas ainda confia no protocolo ERC-20 da Ethereum e contratos inteligentes para criar novas aplicações, mas esse paradigma ainda é muito pesado. Em vez disso, algumas empresas já apresentaram melhores caminhos para o desenvolvimento de aplicativos baseados em Blockchain.

Este novato setor já se mostrou promissor e as novas aplicações estão ampliando ainda mais o ecossistema como um todo. O Qtum, por exemplo, fornece uma infra-estrutura híbrida para desenvolvedores criarem aplicativos Blockchain que sejam adequados para operar com os principais Blockchains, além de serem compatíveis com serviços móveis e IOT. A arquitetura dupla da empresa é baseada em Bitcoin Core e Ethereum Virtual Machine para permitir o uso de contratos inteligentes em diversas plataformas. O produto final é um produto leve com funcionalidade em cadeia cruzada que ultrapassa as capacidades da Ethereum enquanto amplia o recurso do Blockchain. A empresa mostrou uma promessa significativa e chamou a atenção dos investidores, recompensando a avaliação com um salto de quase 200% maior em Dezembro de 2017.   

Gráfico Qtum

Imagem: Coinmarketcap

Mais importante ainda, no entanto, as criptomoedas começam a encontrar casos de uso real. Ripple foi bem sucedido na criação de uma repartição nas transações bancárias e comerciais. A Bitcoin Cash promete resolver muitas das deficiências da Bitcoin como método de pagamento, por exemplo, escalação e velocidade de transação. Enquanto isso, Ethereum provou seu valor como uma infra-estrutura para o desenvolvimento de aplicativos.

Mesmo com a alta volatilidade no mercado da criptomoeda, a tendência global em 2017 tem sido extremamente positiva. À medida que a indústria se torna mais amplamente aceita, isso ajuda a estabilizar significativamente a recente onda de volatilidade.

2018 pode ser promissor

Existem sinais que o mercado de criptomoedas ainda é bastante instável, incluindo altíssimas avaliações e um rápido ritmo de crescimento que rivalizou com as manias do passado, mas 2017 ainda fechou com uma nota bem alta.

No entanto, o sucesso no próximo ano dependerá fortemente da adoção mais ampla. E um mercado que pode suportar essas ondas de especulação. As avaliações da Bitcoin permanecerão altamente voláteis, os investidores e as bolsas acabarão por ter medo e as negociações podem diminuir. As recentes mudanças extremas experimentadas pelo mercado mais amplo apontam o quão precário é o "boom" atual.

Gráfico Bitcoin

Gráfico que mostra o movimento de preços Bitcoin desde 2013

2018 promete ser um ano importante para a indústria. À medida que os receios de um colapso da bolha aumentam, muitos estão olhando para otimismo. Em seus olhos, o ecossistema está pronto para uma limpeza e a remoção de subperformadores e projetos insustentáveis podem permitir que os concorrentes reais cresçam. Além disso, uma onda de consolidação e entrada de investimento institucional na esfera poderia levar a uma adoção mais ampla e a um mercado mais estável.

Embora o mercado de criptografia esteja crescendo, ele deve mostrar sustentabilidade e oferecer uma melhor fungibilidade. À medida que mais empresas demonstram usos efetivos para criptomoedas e tecnologia Blockchain, o ecossistema geral deve continuar a se estabilizar e expandir à medida que a consciência de seus benefícios inerentes melhora.

Aviso Legal. Os pontos de vista apresentado aqui são exclusivos dos seus autores e não necessariamente representam a opinião do Cointelegraph.