IBM registra patente de blockchain para combater o roubo de encomendas usando drones

A IBM registrou uma patente para um sistema baseado em tecnologia blockchain para evitar o roubo de encomentas usando drones.

Segundo um registro publicada pela Autoridade de Marcas e Patentes dos Estados Unidos (USPTO) em 12 de novembro, a IBM vai rastrear o trajeto dos drones usando um altímetro baseado em Internet das Coisas (IoT), enquanto acompanha continuamente os dados em uma plataforma blockchain segura.

Frones podem ser a ferramenta ideal para ladrões

O uso de drones pode se tornar uma prática comum para o roubo de encomendas em um futuro próximo. A idéia é que os pacotes sejam equipados com um sensor de altitude configurado para disparar um alarme se uma mudança significativa de altitude for medida fora dos critérios definidos. Depois que o alarme é acionado, o dispositivo IoT com GPS transmite os dados de localização para um módulo de rastreamento. É se as encomendas da Amazon ativassem um SOS se algo der errado no caminho para sua casa.

A patente da IBM diz que a entrega autônoma de encomendas pode tornar as mercadorias mais vulneráveis a roubo e outras ações nocivas, depois da entrega ou antes do recebimento do pacote. A patente ainda diz:

"O aumento no uso de drones juntamente com o aumento das compras online cria  uma situação em que drones podem ser usados prática de crimes de forma anônima, a partir do momento em que um pacote que é deixado na porta de uma casa em uma entrega".

Patente blockchain para lidar com preocupações de privacidade e segurança de drones

A IBM registrou uma outra patente relacionada ao tema em setembro, para um sistema que usaria a tecnologia blockchain para lidar com questões de privacidade e segurança relacionadas a veículos aéreos não tripulados, mais comumente conhecidos como drones. O documento sugeria que a blockchain pode fornecer técnicas eficazes para gerenciamento de dados de drones, principalmente se o risco de segurança é considerado relativamente alto.