IBM anuncia 1.800 novos empregos na França em blockchain, IA, e IoT para próximos dois anos

A CEO da IBM, Virginia Rometty, anunciou que nos próximos dois anos a empresa planeja criar 1.800 empregos na França nos campos de Inteligência Artificial (AI), blockchain e da Internet das Coisas (do inglês, Internet of Things, IoT), relatou Le Monde em 23 de maio.

O anúncio foi feito na cúpula Tech for Good, em Paris, que foi organizada pelo presidente da França Emmanuel Macron.

Com a ideia de fazer da França um "centro de excelência" dedicado à inteligência artificial, a gigante de tecnologia está procurando contratar 1.800 especialistas na França em áreas como blockchain, AI e IoT. Isso inclui pelo menos 400 trabalhos na área de pesquisa que foram anunciados em janeiro. Em seus esforços para expandir as operações na França, a IBM está cooperando com grandes clientes, como o Crédit Mutuel, o Orange Bank, a Generali, a SNCF e a LVMH.

Com base nas classificações americanas de empregos de "colarinho azul" ou "colarinho branco", Rometty disse que a IBM trará um programa de treinamento para "novos empregos de colarinho" para a França.

A IBM está sempre expandido seu envolvimento no blockchain, aplicando a tecnologia em vários projetos. Em janeiro, a empresa fez uma parceria com a empresa de transporte e logística dinamarquesa, Maersk, para criar uma cadeia de entrega e abastecimento baseada em blockchain. O objetivo do projeto é comercializar o blockchain para todos os aspectos do sistema global de cadeia de abastecimento.

Em março, a IBM anunciou que o menor computador do mundo usará a tecnologia blockchain e logo será “incorporado em dispositivos cotidianos”. A empresa alega que dentro de cinco anos “âncoras criptográficas - como pontos de tinta ou minúsculos computadores menores que um grão de sal - serão incorporados em objetos e dispositivos do dia a dia”.

No mês passado, a empresa de pagamentos e tecnologia MasterCard anunciou que vai contratar 175 novos funcionários em Dublin, Irlanda, inclusive especialistas em blockchain, visando aumentar sua presença no país.