Huobi faz parceria com a Global Digital Finance para o desenvolvimento de padrões de cripto

A exchange de criptomoedas Huobi anunciou em um comunicado à imprensa que fez uma parceria com a Global Digital Finance (GDF), um órgão de associação do setor, para o desenvolvimento de padrões de cripto. O comunicado foi compartilhado com o Cointelegraph em 31 de julho.

De acordo com o comunicado, a exchange juntou-se às principais empresas de cripto: Circle, Coinbase, ConsenSys, DLA Piper, Diginex, Hogan Lovells e R3 no conselho patronal e no conselho consultivo da organização. O conselho patronal supostamente apoia a GDF no desenvolvimento de sua estratégia global e na aquisição de novos parceiros.

Além disso, a autora do comunicado afirma que agora preside conjuntamente o Grupo de Trabalho de Integridade do Mercado da GDF e pretende se focar em wash trading, manipulação de mercado e outras práticas abusivas no setor de criptomoedas.

Josh Goodbody, Chefe de Vendas Global e Negócios Institucionais da Huobi para Europa & Américas, comentou sobre o desdobramento:

"Manter a confiança do público de que os mercados são justos e transparentes é crucialmente importante se quisermos que nossa indústria cresça."

A diretora executiva da GDF, Teana Baker-Taylor, também é citada no comunicado afirmando que “a integridade e a credibilidade dos mercados de cripto são atualmente grandes obstáculos para adoção institucional e mainstream de ativos digitais, bem como uma preocupação importante para os reguladores”. Ela prossegue, descrevendo o objetivo mais amplo da instituição: 

“O objetivo do Grupo de Trabalho de Integridade do Mercado da GDF é elaborar um conjunto de diretrizes pragmáticas e implementáveis ​​que, caso adotadas por provedores de serviços de ativos digitais, promoverão uma indústria justa, ética e transparente.”

Como o Cointelegraph reportou no início deste mês, a subsidiária da Huobi na Tailândia garantiu a quinta licença oficial do país para operar uma exchange de ativos digitais totalmente regulada.