Google amplia tecnologia que permite busca em blockchains e acrescenta novas criptomoedas ao sistema

O Google lançou recentemente ferramentas de pesquisa para buscar padrões em uma blockchain de sua escolha, possibilitando fazer isso da mesma maneira buscaria qualquer coisa na internet. Agora, os conjuntos de dados de transações estão disponíveis na BigQuery e as ferramentas de código aberto estão ativas para pesquisas públicas. Além disso, a companhia acrescentou novos projetos à plataforma.

Segundo a empresa, essas ferramentas possibilitarão ao Google analisar padrões nos fluxos de transações, permitindo que uma empresa desenvolva tecnologias apropriadas de blockchain e até mesmo utilize ferramentas de previsão de preços de criptomoedas

A ideia do Google de se aproximar da tecnologia de blockchain não é novidade - como o Cointelegraph mostrou, a empresa começou a experimentar o projeto no segundo semestre de 2018. Ao fazer isso, a companhia carregou o histórico de dados do Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH) em seu sistema para acesso público. 

As notícias mais recentes, no entanto, continuam sendo um grande avanço para a empresa, já que outros seis conjuntos de dados também foram adicionados, além de poderosas ferramentas de busca. Os seis conjuntos de dados recém-carregados foram Bitcoin Cash (BCH), Dash (DASH), Dogecoin (DOGE), Ethereum Classic (ETC), Litecoin (LTC) e Zcash (ZEC).

No ano passado, a Forbes previu que mais de 500 projetos seriam criados usando essa ferramenta, cobrindo uma gama de tópicos que varia desde a previsão do preço do Bitcoin até a medição da disparidade de riqueza entre os detentores de moedas. 

Se a funcionalidade e os projetos de pesquisa do Google se tornarem mais sofisticados, eles poderão ser usados com precisão para prever tendências futuras de preço para criptomoedas.

No último ano, o Google começou a tornar sua tecnologia de busca em blockchain mais prioritária. A favor da empresa, claro, está a expertise da companhia no desenvolvimento de tecnologias de busca. 

O desenvolvimento acelerado da ferramenta de busca de blockchains do Google deixa claro o interesse da empresa em se tornar líder também neste mercado.