Principal regulador financeiro alemão alerta contra os riscos da oferta inicial de moddas (ICO)

O principal regulador financeiro da Alemanha, a Autoridade Federal de Supervisão Financeira (BaFin), emitiu um aviso aos investidores sobre o risco de investir em ofertas iniciais de moedas (ICOs). Este movimento faz do BaFin o mais recente agente de controle do mercado a emitir um aviso sobre as ICOs.

Em sua declaração, a BaFin alertou os investidores sobre os vários riscos envolvidos nas vendas de ICOs e token.

Entre os riscos está a possibilidade de perder todo o investimento. A agência também advertiu que a ICO como modelo de financiamento pode "atrair fraudadores", que podem deturpar seus projetos para potenciais investidores.

Parte da declaração diz:

"Devido à falta de requisitos legais e regras de transparência, o consumidor é deixado sozinho quando se trata de verificar a identidade, reputação e credibilidade do provedor do token e entender e avaliar o investimento oferecido. Também não pode ser garantido que os dados pessoais serão protegidos de acordo com as normas alemãs".

Outros planos da BaFin

Embora a BaFin não tenha imposto novos requisitos ou diretrizes para os organizadores de ICO em sua última declaração, ela anunciou que lançará um guia mais abrangente para os investidores em 15 de novembro.

O regulador também advertiu que antes de decidirem participar de uma ICO, os consumidores deveriam se certificar de que compreenderam plenamente os benefícios, bem como os riscos do investimento ou do projeto. Adicionou ainda que tomar as medidas necessárias contra ICOs pode resultar em possíveis perdas para os investidores em vendas token que se revelam de natureza fraudulenta.

"Antes de qualquer consumidor decidir participar de uma ICO, eles devem ter certeza de que compreenderam plenamente os benefícios e riscos do projeto ou do investimento".