Formula 1 fecha parceria com Animoca Brands pra lançar jogo que utiliza padrão ERC-721 da Ethereum

A gigante de automobilismo Formula 1, uma das marcas esportivas mais conhecidas do mundo, fez uma parceria com uma startup de blockchain, a Animoca Brands, para lançar um jogo de corrida de F1 na blockchain pública da Ethereum.

A Animoca Brands revelou em comunicado em comunicado em seu site oficial ter garantido um contrato de licenciamento para desenvolver e publicar o jogo blockchain F1 Delta Time.

O jogo, que utilizará tokens não fungíveis (NFTs) baseados na propriedade intelectual da Fórmula 1, será lançado no dia 10 de maio de 2019.

"Assegurar uma parceria para fazer jogos blockchain com a Fórmula 1 - uma das marcas mais reconhecidas no esporte - é uma conquista notável", disse Yat Siu, co-fundador e presidente da Animoca Brands, antes de acrescentar:

"Vamos alavancar o alcance global considerável da Fórmula 1 para impulsionar a absorção de produtos e o crescimento da receita, pois juntos procuramos aumentar a exposição dos consumidores ao blockchain."

Mais detalhes serão fornecidos no próximo mês, com o site recém-lançado. Ao descrever o jogo, Yat Siu, disse que "o jogo será centrado em torno da coleção e negociação de carros, drivers e componentes exclusivos - todos eles existirão como tokens não fungíveis (NFTs) baseados no padrão de token ERC-721”. O jogo também utilizará o padrão ERC-20 da Ethereum:

“Tokens fungíves (FTs) baseados no padrão de token ERC-20 funcionarão como uma moeda no jogo e serão igualmente necessários, pois serão usados em transações como pagamento de taxas de entrada e compra de certos itens.”

A entrada da Fórmula 1, controlada pela gigante Liberty Media, no mundo das criptomoedas é resultado da grande variedade de oportunidades que novos padrões de tokens proporcionam. Como reportado pela Cointelegraph Brasil, o emergente mercado de tokens não fungíveis (NFTs) tem mostrado um promissor futuro.