Ex-executivo de Wall Street, Tone Vays: não há evidências de que o inverno cripto tenha acabado

O ex-executivo de Wall Street e atual pesquisador de blockchain Tone Vays mostrou-se cético sobre o fato de que o inverno cripto tenha acabado. Vays fez seus comentários em entrevista ao Cointelegraph em 10 de junho.

Vays, um ex-analista financeiro do gigante bancário dos Estados Unidos JPMorgan, revelou que ele não acredita no recente rali dos mercados cripto, dizendo que ele não observou "muito dinheiro externo entrando no expaço”.

O consultor de blockchain argumentou que o recente revés no longo mercado de urso teria sido suportado por capital interno, dizendo que não há evidências de acumulção suficiente por parte daqueles que preferiram manter suas criptos em vez de vendê-las. De acordo com Vays, se esse capital interno “voltar a ficar receoso”, os preços de criptos cairiam tão rápido quanto subiram.

Apesar de dizer que ele preferiria prevenir do que remediar em termos de investimento em criptos, Vays ainda argumentou que "todos deveriam possuir algum Bitcoin".

Na entrevista, ele também comentou sobre sua aposta de US$ 250.000 no Twitter dizendo que o Bitcoin (BTC) vai cair abaixo dos US$ 2.000 antes da halving do Bitcoin de 2024 (período que uma determinada moeda tem sua menor distribuição).

Ocorrendo a cada 210.000 blocos, o halvind go Bitcoin é um processo para dividir o número de recompensas geradas por bloco, a fim de manter a oferta total da maior criptomoeda, que é limitada a 21 milhões. Este processo é esperado para terminar entre março e junho de 2024 no bloco 840.000.

Sobre sua aposta, Vays diz na entrevista que é improvável que o bitcoin possa cair abaixo de US $ 2 mil "neste momento", embora tenha acrescentado que ainda é possível.

Equanto isso, o Bitcoin viu grande movimento otimista desde abril de 2019, quando o preço disparou de cerca de US$ 4000 para quase US$ 9.000 no fim de maio. No momento, a mais antiga criptomoeda é negociada em US$ 7.834, queda de 1,7% nas últimas 24 horas de acordo com o CoinMarketCap.

Recentemente, um cofundador da empresa de investimentos blockchain baseada em Hong Kong Kenetic previu que o Bitcoin atingirá US $ 30.000 até o final de 2019.