Depois de promover enquete entre a comunidade, Kraken deslista Bitcoin SV

A grande exchange norte-americana Kraken decidiu deslistar o braço do Bitcoin (BTC) Bitcoin SV (BSV), segundo a empresa anunciou em 16 de abril.

Em comunicado oficial, a Kraken diz que o BSV se “engajou em comportamento completamente antiético atingindo tudo que nós na Kraken e uma grande parte da comunidade cripto defendemos". Portanto, a exchange decidiu deslistas a moeda, que foi o resultado de uma hard fork na rede Bitcoin Cash (BTC) em novembro.

A decisão da exchange é desdobramento de uma enquete promovida entre sua comunidade no Twitter, na qual foi perguntado a opinião dos seguidores sobre ela deveria deslistar o BSV.

Enquete do Twitter da Kraken sobre deslistar o BSV. Fonte: Kraken

Kraken citou um comportamento errático como declarações fraudulentas, ameaças e ações legais como o catalisador por trás da exclusão. A decisão da exchange segue os passos de concorrentes como Binance e ShapeShift, que derrubaram a moeda nesta semana.

O CEO da Binance CEO Changpeng Zhao havia alertado o cientista computacional australiano Craig Wright — defensor mais robusto do BSV e autoprolamado inventor do Bitcoin Satoshi Nakamoto — de que se ele não corrigisse seu comportamento polêmico, a Binance poderia deslistar o BSV.

A Binance derrubou o BSV depois de Wright estabelecer uma recompensa de US$ 5.000 em BSV por informaç˜oes sobre a identidade de Hodlnaut, o usuário do Twitter por trás do recente evento de caridade do Bitcoin “Lightning Torch”.

Embora o anúncio da Kraken não cite nenhum nome, ele diz que "as ameaças feitas na semana passada por membros individuais da comunidade foram a gota d'água. Essa agressão não pode continuar”.

O preço do Bitcoin SV sofreu como resultado das deslistagem. No momento a moeda tem quedas de 4,67% no dia e um pouco mais de 30% na semana, de acordo com o CoinMarketCap.