'Fedcoin' Ataca Novamente: Companhias Fintech propõem o uso de Cripto no Fed dos EUA

Em um relatório da Faster Payment Task Force, as empresas fintech delinearam como a tecnologia Blockchain pode ser usada para fazer pagamentos mais rapidamente para a Federal Reserve dos EUA.

As empresas que apresentaram suas propostas incluem Ripple, Eccho, Xalgorithm, Hub Culture, Kalypton Group, Nanopay Corporation e Thought Matrix Consulting.

Propostas baseadas em blocos

Para Hub Culture, Eccho e Xalgorithms, eles propuseram o uso de uma solução como da tecnologia de livro-razão distribuído com uma Rede de Intercâmbio de Ativos em Tempo Real (RAIN na sigla em inglês) e Roteiro de Intercâmbio de Ativos em Tempo Real (RAIL na sigla em inglês) que permitirá o desenvolvimento transações de pagamento globais de ponta a ponta.

Inclui uma Identidade Sincronizada Única (USI na sigla em inglês) para vincular contas existentes com o potencial de reduzir os custos de transação, os desembolsos da plataforma e reduzir o tempo de implantação na rede que suporta pagamentos push e pull.

O Kalypton Group Limited e o Eccho, por outro lado, propõem um mecanismo de processamento de transações completo, e não apenas pagamentos. Esta solução gerará funcionalidades tipo Blockchain sem suas limitações.

Sua proposta incorporará uma camada de serviço configurável que implementa múltiplos casos de uso e suporta inovações rápidas e contínuas por parte dos provedores de serviços.

Retorno do "Fedcoin"?

Entre as cinco propostas baseadas em Blockchain, a da WingCash teve o maior impacto.

Para a WingCash, o Federal Reserve terá que se adaptar ao uso das criptomoedas.

A rede WingCash de pagamento mais rápido é uma plataforma de software que será detida e operada pelo Federal Reserve e pela Organização Governadora. Ela emitirá dinheiro digital ou notas digitais do Fed que serão vinculadas ao domínio da internet (Fednotes.com).

A proposta da WingCash permitirá às empresas emitir e definir as características do dinheiro da marca digital.

A proposta da WingCash foi escrita por seu fundador e CEO Bradley Wilkes. Caso a força-tarefa a adote, o banco central dos EUA tomará medidas para abraçar o conceito de "Fedcoin" há muito discutido.

Enquanto outros bancos centrais de todo o mundo, como os do Reino Unido, da Rússia e da China já indicaram interesse em emitir suas próprias criptomoedas, esta pode ser a primeira vez que uma proposta foi endereçada diretamente ao Federal Reserve dos EUA.


Siga-nos no Facebook