Preço do Ethereum pode chegar a US$ 2.000 se isso acontecer

Quando o Ether  chegar ao preço de US$ 2.000, estaremos vendo uma capitalização de mercado de cerca de US$ 188 bilhões. Embora seja significativamente maior do que hoje, um aumento de oito vezes, ainda é relativamente pequeno se compararmos a capitalização de mercado de uma empresa como o Facebook, US$ 492 bilhões.

A Cointelegraph tenta analisar quais eventos precisam ocorrer para que o Ether rompa esta marca.

Rede Raiden

Atualmente, a rede Ethereum está limitada a cerca de 20 transações por segundo. Isso é duas vezes mais do que o Bitcoin pode lidar. No entanto, se estamos pensando em que o Ethereum é usado como uma forma diária de pagamento, isso não é suficiente.

A Raiden Network tem como objetivo resolver esse problema. Seus desenvolvedores estão construindo uma solução fora da cadeia para os pagamentos Ethereum que escalam linearmente com o número de participantes. A rede poderia, no futuro, lidar com mais de 1.000.000 de transações por segundo.

Além disso, permitirá diminuir o custo das transações em sete ordens de grandeza, fazendo das verdadeiras microtransações no Ethereum uma realidade.

O Ether se torna mais fácil de adquirir e gastar

Até agora, existem cerca de 60 casas de câmbio de criptomoedas ativas. Este número está crescendo a cada mês, já que os ativos digitais se tornam cada vez mais atraentes. No entanto, o americano médio não se sente confortável com limites de compra e venda e gráficos de negociação.

Portanto, novas alternativas devem surgir que permitam que a multidão adquira o Ether. Empresas como a Dether estão trabalhando em plataformas que permitem às partes interessadas comprarem Ether diretamente com dinheiro. Este é definitivamente um grande passo na direção certa.

No momento em que escrevo este artigo, a capitalização de mercado de todas as criptomoedas combinadas fica em torno de US$ 110 bilhões. No entanto, a maioria dos proprietários de moedas como Ether e Bitcoin não gastam suas moedas ativamente; eles os usam como um investimento.

Para ver o Ether em US$ 2.000, mais pessoas precisam começar a usá-lo como forma de pagamento, e mais fornecedores precisam começar a aceitá-lo. Isso provaria que Ether é um método viável de troca de valor..

Zk-SNARKs

Membros da equipe Ethereum Research and Development e ZCash estão colaborando em um projeto de pesquisa sobre privacidade no Blockchain.

A integração da tecnologia por trás do ZCash no Ethereum é um marco chave. Ele permitirá anonimizar completamente transações e certos componentes de contratos inteligentes. Isso faria o Ethereum ficar pronto para ser usado em cenários que nem podemos imaginar.

Uma possível aplicação deste protocolo de privacidade pode ser em eleições presidenciais ou leilões. Uma vez que o zk-SNARKs está totalmente integrado, os resultados de uma eleição ou leilão podem ser verificados por qualquer observador do Blockchain, mas os votos ou lances individuais não são revelados.

As ICOs tornam-se o método preferido de financiamento e regulações sólidas estão no seu lugar 

Até agora, mais de US$ 1 bilhão foi investido em ICOs por contribuidores de todo o mundo. Esse é um número muito impressionante, tendo em mente que este método de financiamento era praticamente inexistente antes do lançamento do Ethereum em 2015.

A maioria das start-ups que possuem um ICO, emite tokens Ethereum. Portanto, também foi um dos catalisadores de crescimento mais importantes para a rede no início de 2017. As ICOs provaram ser um método de financiamento extremamente eficiente, permitindo que centenas de start-ups consigam dinheiro suficiente para iniciar as operações.

A SEC e a Autoridade Monetária de Cingapura esclareceram, em muitos casos, que alguns dos tokens vendidos através do crowdsales são na verdade títulos e precisam aderir aos seus respectivos regulamentos. Apesar disso, a maioria das ICOs ainda emite tokens que seriam declarados ilegais pela maioria das autoridades.

Uma vez que esta área cinza esteja resolvida, Ether provavelmente terá um monte de dinheiro novo, e mais investidores se envolverão em vendas token.

Membros da EEA mudam de corrente privada para corrente pública

A Enterprise Ethereum Alliance (EEA) liga empresas com especialistas Ethereum. Alguns membros notáveis da aliança são a Microsoft, JP Morgan, Credit Suisse e Intel. O objetivo da EEA é resolver os problemas das grandes corporações usando o Ethereum Blockchain e o token Ether.

Até agora, a maioria das integrações que estas empresas criaram estão trabalhando em correntes privadas. No entanto, as correntes privadas não interagem diretamente com a rede Ethereum e, portanto, não usam Ether.

É justo supor que, tal como houve uma mudança maciça das Intranets para a Internet, também pode haver uma transição de correntes privadas para as correntes públicas uma vez que a tecnologia esteja pronta.

Isso aumentaria consideravelmente as transações diárias que passaram pela rede Ethereum.

Proof of Stake (PoS)

O fornecimento atual de Ether é de cerca de 93 milhões de moedas. Vitalik Buterin apontou muitas vezes que o suprimento total provavelmente nunca ultrapassará 100 milhões se o PoS for corretamente integrado.

Se o Ethereum mudar com sucesso para o PoS, haverá uma queda significativa na taxa de emissão diária de Ether. Isso significa que menos Ether será criado todos os dias, reduzindo assim o suprimento total da moeda.

Além disso, uma vez que o PoS é ativado, os investidores do Ether podem optar por usar sua participação para verificar outras transações na rede. Em troca receberão recompensas pagas nesta criptomoeda.

Isso provavelmente atrairá uma nova onda de investidores que procuram recursos de produção de fluxo de caixa.

Até agora, Ether a US$ 2.000 ainda é combustível para a nossa imaginação. No entanto, a tecnologia tem fundamentos muito sólidos e muitos anúncios futuros.

Com o apoio de uma comunidade crescente, tudo é possível.


Siga-nos no Facebook