Apesar do crescimento do preço, banco da rainha ri do Bitcoin

Apesar do maior dia de negociação de Bitcoin, que culminou em uma alta de US $14.000, o banco Coutts da Inglaterra está se desviando da criptomoeda.

Juntando-se ao coro de detratores do Bitcoin como Jamie Dimon e Dennis Gartman, o Coutts Bank, cuja lista de estimados clientes inclui a família real britânica, são céticos na melhor das hipóteses sobre o aumento meteórico do valor do Bitcoin.

Falando para o The Telegraph, a analista Lilian Chovin declarou a moeda virtual um bem especulativo que não possui valor tangível.

"Seu aumento acentuado trouxe as memórias da bolha pontocom na virada do século".

"Nossa visão no Coutts é que, como um ativo de investimento, moedas eletrônicas como o Bitcoin não têm mais que sentimento as apoiando".

Chovin continuou a notar que a atmosfera predominante em torno do Bitcoin era altamente cética, principalmente por causa dos ganhos de capital feitos pelos primeiros investidores.

Outra preocupação é a incapacidade de prever o que o futuro tem para moedas virtuais em termos de legislação e regulamentos governamentais:

"Elas são vulneráveis a sanções governamentais e não têm o tipo de dados que buscamos para avaliar o valor. Nós, portanto, não temos planos no momento para incluí-las em nossa estratégia de investimento".

Ironicamente, a analista observou as potenciais aplicações da tecnologia Blockchain como algo em que o banco está prestando muita atenção.

Ficando fora de uma criptomoeda baseada em Blockchain, o Coutts poderia potencialmente investir em outras indústrias que encontraram maneiras inovadoras de aplicar a tecnologia Blockchain, de acordo com Chovin:

"Em nossa visão, o desenvolvimento da tecnologia Blockchain, que está por trás das chamadas 'criptomoedas' como Bitcoin, é uma área muito mais interessante para se observar".

"Esta nova tecnologia tem o potencial de disromper qualquer campo em que haja necessidade de registros seguros e transferíveis".

Olho no lançamento de futuros

Embora a maioria dos bancos tenha mantido distância de criptomoedas, não há dúvida de que estarão observando o lançamento dos futuros de Bitcoin pela CBOE ae CME nas próximas duas semanas.

As bolsas comerciais abrirão caminho para investidores institucionais menos ambiciosos - e seu sucesso e fracasso serão examinados pelo resto do mundo financeiro.


Siga-nos no Facebook