Os mercados de criptomoedas voltam ao verde após vendas substanciais

Os mercados das criptomoedas estão se recuperando hoje, 3 de Fevereiro, seguindo um baixa no mês de inúmeras quedas no preço do Bitcoin . A maioria das 50 maiores moedas estão no verde, com ganhos de até 20% nas últimas 24 horas.  

  Em parte devido à pressão de relatórios enganosos sobre a regulamentação na Índia , o mercado global de criptomoeda sofreu uma queda abrupta a partir de quinta-feira, 1 de Fevereiro , derrubando mais de $100 bilhões em capitalização de mercado nas 24 horas anteriores desta esta publicação.

  No entanto, após o recuo de transações, o mercado voltou a se recuperar, com o Bitcoin decolando acima do nível de $9.000. No momento desta publicação, a Bitcoin estava sendo negociado a uma média de $9.095, mais de 3,54% no dia.

BTC

Imagem cedida por: coin360.io

Seguindo a liderança do Bitcoin, outras moedas também   subiram substancialmente. Com a exceção de três moedas, cada uma das 50 maiores apontou ganhos, com o Litecoin (LTC) , o Cardano (ADA) e o Verge (XVG) liderando o pacote com ganhos entre 15% e 20%.

Um rápido olhar no   Coin360 indica uma curva positiva e clara após as negativas quedas da semana.

pic

Imagem cedida por: coin360.io

Apesar das baixas do mercado nesta semana, figuras como o fundador do Litecoin Charlie Lee e o apresentador do Cryptotrader da CNBC, Ran Neuner , fizeram recentemente declarações otimistas sobre o Bitcoin. Em uma entrevista com a Cointelegraph, Lee em particular ofereceu uma perspectiva nível sobre a volatilidade nos mercados de criptomoedas, muitas vezes com falta de um mercado lotado de novos recém-chegados.

As notícias da   primeira aprovação da ETF Blockchain canadense podem ter tido um papel fundamental no rali de hoje.

Bitcoin atingiu um recorde de $20.000 no final de Dezembro, sendo que sofreu posteriormente uma grande quebra , juntamente com o resto do mercado apenas alguns dias depois, em 22 de Dezembro, quando o Bitcoin e algumas alticoins perderam de 20% a 30%.  

Desde então, a principal criptomoeda ainda não se recuperou completamente, passando aproximadamente entre $10- $15,.000 por moeda , até os mínimos de vários meses de ontem abaixo de $8000.

O   mês inteiro de janeiro viu o mercado vendendo, em parte devido ao aumento de notícias sobre regulamentações na Coreia do Sul - e também artigos enganosos sobre tal regulamentação - que deixou muitos investidores temerosos.


Siga-nos no Facebook