'Cripto é imparável' - Bitcoin chegará a US$ 100 mil, diz fundador do Cardano

O co-fundador do Ethereum (ETH), que virou o criador do Cardano (ADA), Charles Hoskinson, disse que espera que o Bitcoin (BTC) volte para mais de US$ 10.000 e alcance US$ 100.000 no futuro.

Em um tweet publicado em 22 de novembro, Hoskinson disse à comunidade de criptomoedas de que o Bitcoin é mais do que especulação, colocando a culpa na mais recente queda no preço da mídia "FUD" - ou medo, incerteza e dúvida - e manipulação de mercado. 

Um movimento global

Como há mais no Bitcoin do que apenas movimentos de preços, ele espera que a maior criptomoeda do mundo veja mais ganhos no futuro. Ele disse:

“O preço do Bitcoin está caindo? Lembre-se de todos: após o FUD, a troca e a manipulação de notícias serem concluídas, ainda temos um movimento global que mudará o mundo. Veremos 10k btc novamente e receberemos 100k. A cripto é imparável. Criptomoeda é o futuro.”

Ação recente no preço do Bitcoin

Como o Cointelegraph informou, o Bitcoin e as altcoins sofreram uma queda notável de preço no dia 22 de novembro. Mais precisamente, o Bitcoin caiu brevemente abaixo de US$ 7.000 antes de se estabelecer um pouco mais acima.

Ainda assim, como apontou a análise de mercado do Cointelegraph, o domínio do Bitcoin aumentou na semana para 69%, o que significa que o BTC mais uma vez superou outras criptomoedas durante e apesar de seu declínio nesta semana.

Logo após a queda de preço, os volumes diários futuros de Bitcoin na plataforma de ativos digitais Bakkt atingiram um novo recorde histórico, mostrando um interesse crescente e renovado em capitalizar a volatilidade.

Em outubro, Hoskinson também expressou a ideia de que, se o Bitcoin falhar, todo o setor de criptomoedas poderá falhar.