Casa de câmbio cripto OKCoin expande a negociação para mais 20 estados dos EUA

A casa de câmbio digital OKCoin anunciou sua expansão do comércio de token para token em vinte novos estados dos EUA, de acordo com um comunicado publicado em 12 de setembro.

Pelo anúncio, a OKCoin estendeu os serviços de trading para os estados do Alasca, Arizona, Colorado, Idaho, Illinois, Indiana, Kansas, Maine, Maryland, Massachusetts, Michigan, Minnesota, Missouri, Montana, Nevada, Nova Jersey, Tennessee, Texas, Utah e Wisconsin.

Jim Nguyen, vice-presidente de marketing da OKCoin, declarou no post do blog que a casa de câmbio colaborou com os reguladores em cada estado a fim de cumprir as leis federais e estaduais. O CEO da OKCoin, Tim Buyn, disse:

“Para que o mercado de criptomoedas atinja todo o seu potencial, as bolsas como a OKCoin têm que trabalhar com reguladores existentes e novos para moedas virtuais conversíveis, bens digitais e/ou títulos.”

O anúncio afirma que a OKCoin também solicitou licenças de transmissão de dinheiro (MTL) para negociação de token-para-token e fiduciário-para-token. Ao receber as licenças, a OKCoin planeja trazer sua plataforma de negociação para outros estados.

Enquanto isso, o fundador da OKCoin, afiliado da casa de câmbio cripto OKex, Star Xu, teria sido detido na China em relação a suspeita de fraude cambial em 11 de setembro. Segundo a tecnologia de mídia ZeroHedge, um grupo de investidores na WFEE Coin - uma empresa da qual Xu foi declaradamente um acionista - queixou-se à polícia local sobre práticas supostamente fraudulentas na empresa.

No entanto, em 24 horas Xu foi liberado do interrogatório policial, negando as alegações de fraude. Quando a Cointelegraph entrou em contato com a OKEx, a empresa negou que Xu tivesse algum envolvimento com a WFEE. Andy Cheung, COO, disse:

"O sr. Xu não tem relações de capital com a WFEE e sua empresa. Embora a WFEE tenha adquirido o investimento da OKBC [OK Blockchain Capital] e de várias outras capitais, as mudanças posteriores do white paper da WFEE e dos membros da equipe não foram notificadas à OKBC.”