Confirmado: casa de câmbio Bitfinex possui conta no banco holandês ING

O grupo financeiro holandês ING (INGA.AS) confirmou que a Bitfinex, uma das maiores casas de câmbio Bitcoin do mundo por volume de negociação diário, tem uma conta bancária com eles na Holanda, informou a Reuters na terça-feira, 20 de fevereiro.

Em um e-mail para a Reuters, o porta-voz do ING, Harold Reusken, confirmou que a Bitfinex possui uma conta bancária junto à ING na Holanda. Como a Bitfinex estava gerenciando seus negócios bancários desde o rompimento com a Wells Fargo em abril do ano passado ainda não está claro, informa a Reuters.

A conexão entre Bitfinex e ING foi relatada pela primeira vez em 14 de fevereiro pelo recurso de notícias holandês Follow the Money. De acordo com a Follow the Money, o banco ING não pode divulgar o valor da conta da Bitfinex devido a leis de privacidade.

Reusken disse que o ING está testando intensamente a tecnologia Blockchain e está altamente interessado em cooperar com "empresas que estão na cadeia de valor de criptomoedas". No entanto, ele expressou algum ceticismo sobre as criptomoedas, observando que os clientes do ING não podem comprar ou vender moeda digital através do banco.

"Com relação às empresas que atuam no mercado de criptomoeda, somos muito conservadores", afirmou Reusken.

Em 30 de janeiro de 2018, a Cointelegraph informou que a casa de câmbio da Bitfinex e sua empresa-irmã, a emissora de tokens Tether, foram intimidas pela Comissão de Negociação de Contratos Futuros de Commodities (CFTC) dos EUA por razões não divulgadas.

Ainda hoje, mais cedo, a Cointelegraph informou que a Bitfinex lançou a atualização de escala Bitcoin Segregated Witness (SegWit) para todos os clientes, à frente da Coinbase, que planeja lançar a tecnologia SegWit por volta da metade da semana que vem.