Diretor jurídico da Coinbase pressiona setor privado para criação do dólar digital dos EUA

O chefe jurídico da Coinbase, Brian Brooks, considera que o governo dos Estados Unidos deve dar um passo atrás e permitir que o setor privado crie o dólar digital dos EUA.

O setor privado deve desenvolver a tecnologia

Em um artigo da Fortune, em 4 de novembro, Brooks perguntou se o governo dos EUA deveria criar o dólar digital ou se o setor privado pode fazê-lo de forma mais eficaz. A resposta a essa pergunta, de acordo com Brooks, também é o melhor caminho a seguir, dizendo:

“O melhor caminho a seguir é aquele que aproveita a notável capacidade de inovação do nosso país e também reflete a prática histórica do governo de estabelecer amplos trilhos para a inovação privada dentro do sistema financeiro. Isso significa deixar os inovadores inventarem e deixar o governo regular. Em resumo: o setor privado deve construir a tecnologia e o setor público deve definir a política monetária. ”

Brooks concorda que os EUA continuam a assumir um papel de liderança nas iniciativas mundiais de inovação tecnológica, mas também que essa liderança é "fornecida pelo setor privado, não pelo governo". Portanto, ele está preocupado que o governo sufoque o universo das criptomoedas e o desenvolvimento de sua tecnologia blockchain. Brooks disse:

“Os EUA podem assumir a liderança sem exercer o controle desnecessário sobre as decisões tecnológicas que fornecem maior acesso ao nosso sistema financeiro. Tudo isso pode ser feito enquanto ainda capacita as autoridades dos bancos centrais e cria confiança entre indivíduos e instituições. ”

EUA devem permitir que empresas cripto inovem para competir com a China

Mike Wasyl, sócio-gerente da DeerCreek, uma fintech focada em estratégia corporativa, que trabalha no eixo Ásia-Pacífico e EUA, ecoou recentemente sentimentos semelhantes quando disse que os EUA estão presos, tentando regular seu caminho para a inovação e que precisam acordar com a busca proativa da China de uma moeda digital do banco central:

"A China está fazendo essas grandes jogadas. Eles querem manter o controle e serem vistos como líderes, e, portanto, adotaram a blockchain publicamente, como vimos recentemente, vai despertar muito interesse".