Coinbase e Kraken se juntam à importantes exchanges no suporte ao hard fork Constantinopla do Ethereum

As importantes exchanges cripto dos Estados Unidos Coinbase e Kraken, se tornaram as mais recentes endossantes ao apoio ao hard fork do Ethereum (ETH), o Constantinopla. Anunciaram ambas exchanges no Twitter em 14 de janeiro.

As duas exchanges se juntam a Binance, HuobiOKEx na promessa de monitorar o evento, que será desencadeado na altura do bloco Ethereum 7.080.000, esperado para esta semana.

“A Coinbase pretende apoiar totalmente a atualização Constantinopla do Ethereum (ETH)”, escreveu a equipe no post, acrescentando:

"Após o início da atualização, para fins técnicos e de segurança, pausaremos temporariamente o envio e o recebimento de ETH em todas nossas plataformas de negociação até que a atualização seja concluída e confirmemos a segurança da rede".

Em um tuíte, a Kraken também confirmou que daria suporte ao Constantinopla, acrescentando que eles "não esperam que este seja um fork contencioso" e não vai estimular a disputa entre as cadeias concorrentes da ETH, como aconteceu com o hard fork Bitcoin Cash (BCH) em novembro.

"A Kraken vai apoiar tudo isso", escreveu a exchange no Twitter, acrescentando:

“Nenhuma nova moeda será creditada aos detentores de ETH, já que esperamos que a antiga cadeia se torne rapidamente obsoleta.”

O par ETH/USD tem tido um apoio de curto prazo na corrida para o hard fork. O par teve os maiores ganhos entre as vinte maiores criptomoedas por valor de mercado nas últimas 24 horas, um crescimento de 8,7%.

O Constantinopla é um marco para a rede Ethereum, que os desenvolvedores planejam migrá-la de um algoritmo de prova de trabalho (PoW) para um algoritmo de prova de participação (PoS). O hard fork é um passo no caminho para a transformação total da rede e engloba uma variedade de melhorias técnicas.