Serviço de custódia da Coinbase vai suportar o token GRM do Telegram já em seu lançamento

A Coinbase, importante exchange de criptomoedas e wallet dos Estados Unidos, anunciou que dará suporte de custódia para a futura criptomoeda do popular serviço de mensagens criptografadas Telegram.

Em uma postagem oficial publicado em 10 de outubro, a exchange revelou que a Coinbase Custody - seu serviço de custódia de ativos digitais para investidores institucionais - proverá suporte ao Gram (GRM), token nativo da Telegram Open Network (TON), quando este for lançado.

Armazenamento off-line segurado no lançamento da rede

O anúncio da Coinbase revela que dará suporte ao armazenamento segurado do total de três tokens futuros - GRM, Sola (SOL) e OXT (OXT) - no lançamento respectivo de cada rede. O suporte à custódia fornecerá aos detentores de tokens GRM armazenamento off-line e cobertura de seguro, de acordo com o anúncio.

Como a exchange reitera, a Coinbase Custody é uma empresa fiduciária de finalidade limitada, fretada e regulamentada pelo Departamento de Serviços Financeiros de Nova York, tendo cumprido os requisitos para se tornar um custodiante qualificado nos termos da Lei de Consultores de Investimentos dos EUA de 1940.

O anúncio afirma que "à medida que mais redes lançam tokens, os investidores institucionais enfrentam um desafio crítico em encontrar maneiras de manter com segurança cada novo ativo exclusivo", ressaltando que as soluções devem ser disponibilizadas no início do lançamento de qualquer rede.

Não é o primeiro

A Custódia da Coinbase foi precedida pelas subsidiárias de custódia de ativos digitais da Anchor Labs, Anchorage Trust Company e Anchorage Hold, que anunciaram em 8 de outubro que forneceriam custódia institucional para o GRM.

No entanto, nenhuma empresa está registrada junto à Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos e os serviços não serão oferecidos inicialmente a seus clientes de Nova York.

A tão esperada rede TON está programada para ser lançada no final de outubro, como anunciado oficialmente pelo Telegram em 2 de outubro.

De acordo com o anúncio, os investidores deverão fornecer ao Telegram uma chave pública gerada por software especializado para receber seus Grams até 16 de outubro.

No final de setembro, o Telegram lançou uma carteira para o token Gram na versão alfa do aplicativo para iOS.