Erro na Coinbase salva por acidente dados de senhas de 3,420 clientes

Maior exchange de criptomoedas, a Coinbase enviou email a 3.420 clientes da plataforma para divulgar um incidente com o registro de clientes. Alguns detalhes do cadastro das pessoas foram aparentemente armazenados em texto nos registros do servidor interno da Coinbase, com os clientes afetados agora sendo obrigados a alterar suas senhas.

A Coinbase anunciou a notícia em um post em seu blog oficial em 16 de agosto. De acordo com o anúncio, a Coinbase resolveu a causa raiz do bug e a plataforma está confiante de que os dados armazenados não foram "acessados indevidamente, mal utilizados ou comprometidos".

As credenciais de alguns usuários foram salvas quando ocorreu um raro erro de inscrição. Quando os usuários encontraram esse erro, a Coinbase negou seu registro, mas ainda assim salvou suas credenciais, incluindo nome de usuário, endereço de e-mail, senha proposta e estado de residência para usuários dos Estados Unidos.

Além disso, o anúncio especificava que os 3.420 indivíduos apresentavam um novo pedido de registro, no qual usavam a mesma senha. A Coinbase aparentemente conseguiu determinar isso porque o hash da senha corresponderia ao hash de senha anterior salva na tentativa de inscrição com falha.

A Coinbase também assegurou aos usuários que nenhum dos dados registrados em seu sistema de registro parece ter sido acessado e que contataram todos os usuários afetados. De acordo com o anúncio, a Coinbase usa a Amazon Work Station (AWS) para seu registro interno e compartilha dados com alguns serviços de análise de logs. Esses serviços de análise, assim como a AWS, são todos auditados e o acesso às informações é muito restrito.

A Coinbase expande seu departamento de custódia

Como anteriormente reportado pelo Cointelegraph, a Coinbase expandiu seu departamento de custódia, a Coinbase Custody, com a recente aquisição dos serviços industriais da Carteira Xapo. Esta recente aquisição aumentou os ativos da Coinbase sob custódia para US $ 7 bilhões. De acordo com o anúncio, a Coinbase Custody é agora a maior custódia de criptomoedas no mundo, com 120 clientes em 14 países diferentes.