CME Group espera que novas opções de Bitcoin tenha uma alta demanda na Ásia

O Chicago Mercantile Exchange (CME) Group espera ver uma alta demanda na Ásia por seu futuro produto de opções de Bitcoin (BTC).

Tim McCourt, chefe global de índice de ações e produtos de investimento alternativo do CME Group, disse ao jornal South China Morning Post em 10 de outubro que o novo produto derivado de cripto deve se provar tão popular quanto os futuros de BTC existentes na exchange.

Os mineradores poderão cobrir seus custos

De acordo com a reportagem, até metade do volume dos atuais contratos futuros de BTC do CME é contabilizado por traders asiáticos e europeus. McCourt disse a repórteres que o futuro produto de opções permitiria aos participantes do mercado serem mais precisos na maneira como têm exposição ao Bitcoin e gerenciam seus riscos de preço:

“Embora os futuros ofereçam uma exposição um por um, em que o movimento subjacente do Bitcoin se traduz diretamente em um valor específico em dólar por contrato, uma opção fornece vários níveis de preço de exercício e pode oferecer proteção negativa ou exposição positiva por uma fração do preço subjacente".

Diferentemente dos contratos de futuros, os contratos de opções permitem que os traders comprem um direito de comprar (uma opção de compra) ou vender (uma opção de venda) um determinado ativo a um "preço de exercício" especificado determinado antes ou antes da data de vencimento do contrato.

McCourt observou que as opções provavelmente permitiriam aos mineradores de Bitcoin cobrir com mais precisão os custos de sua produção. Ele também apontou como o comércio atual de contratos futuros de Bitcoin entre mineradores da China lhes ofereceu uma cobertura durante tempos voláteis em mercados spot.

Mercado de derivativos Bitcoin do CME em evolução

Como o Cointelegraph relatou anteriormente, o CME Group anunciou seu plano de opções de Bitcoin em setembro, revelando sua intenção de lançar o produto no primeiro trimestre de 2020, que aguarda revisão regulatória.

No acumulado do ano, 7.000 contratos futuros de Bitcoin do CME - equivalentes a aproximadamente 35.000 BTC - foram negociados diariamente em média.

Em 13 de maio, um volume diário recorde de 33.677 contratos - equivalente a mais de 168.000 BTC - foi negociado na exchange.

Neste outono, comentaristas do setor observaram atentamente o que muitos consideram a lenta aceitação dos recém-lançados contratos futuros de Bitcoin da Bakkt - os primeiros do tipo a serem liquidados fisicamente em Bitcoin - que foram lançados em 22 de setembro.