Circle Invest lança ativo de cripto "Collections" para portfolios escolhidos

A Circle Internet Financial Ltd., financiada pelo Goldman Sachs-funded, lançou um novo recurso para seu aplicativo de investimento em cripto, o Circle Invest, apelidado de "Collections". A empresa fez o anúncio em um post oficial publicado no dia 4 de outubro.

O recurso oferece aos clientes a opção de investir em uma ou mais coleções de ativos cripto, cada uma dividida de acordo com um tema específico: "Plataformas, Pagamentos e Privacidade". A empresa apresenta a ferramenta de forma simplificada para os investidores moedas múltiplas, de acordo com uma funcionalidade específica de sua escolha. Depois de escolher uma categoria de coleção, os usuários podem investir em toda a categoria de uma só vez.

O post de hoje destaca que os vários ativos cripto em cada coleção serão ponderados de acordo com seus respectivos limites de mercado. O produto Collections da Circle também fornecerá conteúdo educacional para que os usuários possam fazer escolhas informadas sobre seus investimentos.

De acordo com o site oficial do aplicativo, o Circle Invest suporta uma ampla variedade de moedas, incluindo Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH), Bitcoin Cash (BCH), Litecoin (LTC), Zcash (ZEC), Monero (XMR), Stellar (XLM) e EOS (EOS). A postagem de hoje indica que, entre elas, BTC, BCH, XLM e LTC serão incluídas como parte da nova coleção "Payments".

Como publicado anteriormente, a partir de maio deste ano, a Circle Invest tem oferecido um recurso chamado “Compre o Mercado”, que visa tornar mais fácil para os novatos entrarem no mercado de cripto. O recurso permite que os usuários invistam em todas as moedas listadas da Circle Invest de uma vez, dividindo de forma semelhante o investimento, que pode custar apenas 1 dólar, de acordo com as ponderações de capitalização de mercado das moedas.

No mês passado, a Circle Internet Financial Ltd. lançou um stablecoin apoiado em dólares americanos apelidado de "USD Coin", que será listado na casa de câmbio Poloniex da Circle, bem como Huobi, OKCoin, KuCoin e da carteira digital e casa de câmbio Coinbase.

Um consórcio chamado Centro - que é uma subsidiária integral da Circle, e inclui a Bitmain Technologies Ltd. entre seus membros - deve atuar como uma plataforma para depósitos e conversões fiduciárias para o novo ativo.