Banco Central da China lança fase de testes de plataforma Blockchain de Trade Finance

O Banco do Povo da China (PBoC) lançou oficialmente a fase de testes de uma plataforma de trade finance de blockchain, informou a agência de notícias local Shanghai Securities News em 4 de setembro.

A Subfilial Central do Banco Popular da China em Shenzhen, o banco central da República Popular da China, entrou na fase de testes da chamada “Plataforma Blockchain de Trade Finance da Bay Area” antes do previsto.

A plataforma visa a realização de atividades de trade finance, como contas a receber e financiamento ao comércio. Ao mesmo tempo, a plataforma fornece um sistema regulatório para o trade finance para permitir o monitoramento em tempo real de várias atividades financeiras.

Segundo a Shanghai Securities News, a plataforma pretende criar um “ecossistema financeiro e comercial aberto sediado na Bay Area de Guangdong, Hong Kong e Macau”. As organizações envolvidas na plataforma incluem o Banco da China, o China Construction Bank, o China Merchants Bank, Ping An Bank, Standard Chartered Bank e BYD Co., Ltd.

O relatório afirma que a plataforma pode “ajudar os bancos a realizar auditorias de autenticidade de negócios, reduzir custos de negócios, melhorar a eficiência de negócios e prevenir e controlar riscos de negócios”, bem como auxiliar reguladores e fortalecer o compartilhamento de informações entre departamentos.

No início de agosto, a gigante chinesa de seguros, bancos e serviços financeiros Ping An Insurance divulgou um "Livro Branco sobre Cidades Inteligentes", defendendo o desenvolvimento de blockchain, IA, big data e computação em nuvem, promovendo a criação de uma "cidade inteligente".

Em julho, o Ministério da Ciência e Tecnologia da China anunciou que a China lideraria um grupo de pesquisa internacional sobre a padronização da Internet das Coisas (IoT) e da tecnologia blockchain, como relatou a Cointelegraph em 18 de julho.