Empresa de predição apoiada por Charles Hoskinson lança serviços e oferece insights sobre preços de tokens ERC-20

A empresa de análise preditiva Endor lançou uma ferramenta baseada em blockchain que permite que organizações e donos de criptomoedas façam e respondam perguntas baseadas em big data. A empresa confirmou o lançamento em um comunicado compartilhado com o Cointelegraph nesta quinta-feira, 4 de abril.

A Endor, fundada por dois pesquisadores do MIT, oferece soluções em predição empresarial desde 2014. O anúncio de hoje afirma que o recém-adicionado Protocolo Endor usará inteligência artificial (IA) para analisar conjuntos de dados.

Segundo os executivos, além da estratégia de negócios, o protocolo também será capaz de oferecer insights sobre áreas como a performance do token ERC-20, incluindo comportamento provável de preço e volume.

O protocolo tem seu próprio token, o EDR, que circula desde junho de 2018, vários meses após a Endor ter completado sua oferta inicial de moeda (ICO).

O produto da Endor tem a capacidade de analisar dados criptografados sem descriptografá-los, um recurso que a empresa diz que ajuda a reforçar a segurança dos dados do usuário.

Em fevereiro, a Endor contratou o cofundador do Ethereum (ETH), Charles Hoskinson, como consultor antes do lançamento.

"Este é um passo importante para democratizar o acesso à IA e à Ciência de Dados, já que essas tecnologias avançadas estavam disponíveis apenas para grandes empresas com grandes bolsos", disse ele sobre o lançamento do protocolo.

No final de março, a startup preditiva Numerai anunciou que arrecadou US$ 11 milhões em uma ICO destinada à contratação de engenheiros para a unidade descentralizada Erasure. A Erasure funcionará permitindo que os usuários vendam suas predições para qualquer fundo de investimento na rede pública.