Pesquisa de análise por checagem: especulação continua sendo o principal caso de uso do Bitcoin

Uma pesquisa da Chainalysis, empresa de inteligência blockchain sediada nos Estados Unidos, indica que apenas 1,3% das transações econômicas do Bitcoin (BTC) vieram de comerciantes nos primeiros quatro meses de 2019. A notícia foi divulgada pela Bloomberg em 31 de maio.

O valor baixo é sintomático de uma tendência especulativa que a Bloomberg sugere estar impedindo a criptomoeda de ser adotada para pagamentos: como o Bitcoin continua a ter uma volatilidade significativa e ganhos de valoração renovados, sua natureza como um ativo especulativo desincentiva os usuários de usá-lo como uma unidade para gastos.

A acumulação - ou HODLing, como diz o acrônimo da indústria - parece estar em conflito direto com o futuro da criptomoeda como substituto das moedas fiduciárias. Em um email para a Bloomberg, Kim Grauer, economista sênior da empresa, propôs que:

"A atividade econômica do Bitcoin continua a ser dominada pelo comércio em exchanges. Isso sugere que o principal caso de uso do Bitcoin permanece especulativo e o uso mainstream do Bitcoin para as compras diárias ainda não é uma realidade."

Bitcoin Activity by Category

Como parte de seu conjunto de dados, a Chainalysis monitora os prestadores de serviços de pagamento de cripto, como a BitPay, que supostamente processou US$ 1 bilhão para o comerciante em 2017 e 2018.

Os dados da Chainalysis mostram que a atividade mercantil do Bitcoin sobe durante uma corrida de cripto - como no final de 2017, quando os serviços mercantis atingiram uma alta de 1,5% da atividade total do Bitcoin, antes de cair para 0,9% em 2018 novamente durante a recuperação deste ano. Sonny Singh, CCO da BitPay, disse à Bloomberg que a empresa havia observado a mesma tendência.

Entre janeiro e abril deste ano, as transações relacionadas a câmbio continuaram respondendo por 89,7% de toda a atividade do Bitcoin - apenas uma fração de queda dos 91,9% em todo o ano de 2018, indicam dados da Chainalysis.

Este mês, a importante exchange de criptomoeda norte-americana Coinbase, anunciou que a Coinbase Commerce - seu processador de pagamento de cripto para os comerciantes - começaria a apoiar a stablecoin USD Coin (USDC) da Circle.