Especialistas de Cambridge divergem sobre a questão da

A popularidade do Bitcoin deve ser considerada uma "preocupação para a sociedade", disse a acadêmica do Reino Unido Larisa Yarovaya ao Cambridge Independent.

Hoje, o jornal local relatou uma discussão em andamento sobre a rápida apreciação do preço do Bitcoin entre os especialistas de Cambridge, cujas opiniões sobre oassunto variam. Yarovaya, que é palestrante de contabilidade e finanças da Anglia Ruskin University (ARU), comentou um estudo sobre o Bitcoin da universidade do qual ela é coautora:

Abordando especificamente a questão do uso de energia para a mineração de Bitcoin, ela afirmou:

"Eu acho que sim, devemos nos preocupar. É claro que isso terá um impacto negativo no meio ambiente, não é um processo eficiente em termos energéticos. O espectro de popularidade do Bitcoin tem que ser uma preocupação para uma sociedade".

Bitcoin como moeda

À medida que os preços do Bitcoin saltaram para mais de US $ 20 000 em alguns mercados antes de caírem nesta semana, a questão de saber se o incrível crescimento da criptomoeda é uma bolha que envolveu cada vez mais setores da economia global.

A acadêmica tem sido menos vocal do que os principais meios de comunicação principais meios de comunicação e economistas sobre a questão. No entanto, o estudo de Yarovaya sobre o Bitcoin que analisa a performance da moeda especificamente como dinheiro, tem conclusões bem claras:

"Nossa evidência descobriu que o preço do Bitcoin foi artificialmente inflado pelo investimento especulativo, colocando-o em uma bolha".

Bitcoin como um ativo

Outros na discussão de Cambridge veem a situação de forma diferente. Michael Rauchs, chefe de criptomoeda e Blockchain no Cambridge Center for Alternative Finance, observou que o Bitcoin ser ou não uma bolha depende muito de como você define a própria moeda. Sua visão é que, como uma moeda, o Bitcoin é de fato uma bolha, como diz o estudo da ARU. Mas, como um investimento, ele não está necessariamente condenado a sofrer um estouro como o das bolhas.

Porém, mesmo como um ativo ou ferramenta de investimento, de acordo com Yarovaya, o Bitcoin continua sendo uma bolha. Ela argumentou que o recurso digital não tem "valor verdadeiro":

"Eu acredito que mesmo como um investimento, ele é uma bolha. Como investimento, o verdadeiro valor do Bitcoin é potencialmente zero. Não é o ouro, não tem valor verdadeiro. O preço é maior do que o verdadeiro valor fundamental, então, mais cedo ou mais tarde, as preferências dos investidores (em relação ao) Bitcoin e criptomoedas mudarão e a bolha vai estourar."

Ainda mais otimista foi o CEO da análise de dados Richard Baker, que prevê que os preços do Bitcoin vão "continuar o seu caminho" antes de atingir um pico, principalmente devido ao lançamento de futuros este mês.

Emily Mackaym, credora alternativa da TAB Capital, entretanto, foi mais cautelosa, ressaltando que o desempenho do Bitcoin está muito relacionado com o que as pessoas pensam:

"A própria menção da palavra 'bolha' poderia ter um efeito autorrealizável por parte da demanda moderadora também. Vivemos em uma época em que tudo pode acontecer, então não vou tentar prever isso!"

O Bitcoin perdeu cerca de seis por cento nas 24 horas antes do horário deste artigo de acordo com dados crizados de casas de câmbio, sendo negociado por volta de US $ 15.800.


Siga-nos no Facebook