Brian Kelly: ICO's estão aqui para ficar, mas "os dias de um livro brancos e um sonho" já acabaram

Em uma recente entrevista à Cointelegraph, Brian Kelly, fundador e CEO da empresa de investimento em moeda digital BKCM LLC, disse que as ofertas inisias de moedas (ICO's) estão por aí para ficar, mas com algumas mudanças.

Além de administrar uma empresa de investimentos focada em criptomoedas, Brian Kelly também fornece serviços de gerenciamento de dinheiro e consulta sobre moedas digitais. Kelly também é autora de "The Bigcoin Big Bang - Como as moedas alternativas estão prestes a mudar o mundo".

Falando sobre se as ICO's como forma de captação de recursos acabarão em breve, Kelly sugeriu que “vai ficar, mas com uma pequena mudança”. Ele disse que as ICO's provaram ser uma ferramenta eficaz para financiar projetos usando criptomoedas e tecnologia blockchain. Todavia, ele acrescentou que "os dias de um livro branco e um sonho e US $ 30 milhões provavelmente acabaram".

Kelly disse que ao escolher em quais moedas digitais investir, há uma combinação de indicadores positivos, como atividades que aumentarão a rede, assim como catalisadores como conferências ou possíveis atualizações de software.

No mês passado, Thomas Zeeb, CEO dos serviços de títulos da principal bolsa de valores suíça SIX, também disse que as ICO's estão “aqui para ficar”. Zeeb previu que a adoção em massa viria em cerca de cinco anos.

O mercado de ICO registrou crescimento positivo este ano, mais que o dobro desde 2017, segundo o relatório de mercado da ICORating para o segundo trimestre de 2018. Segundo o relatório, no segundo trimestre de 2018, 827 projetos arrecadaram mais de US $ 8 bilhões em financiamento, comparado a US $ 3.3 bilhões no primeiro trimestre de 2018, representando um aumento de 151%. O relatório observa um "declínio contínuo no número de investidores de varejo", enquanto o capital institucional nos mercados de ICO aumentou.

O Sr. Kelly estará falando na Conferência financeira de cripto no Ritz-Carlton em Half Moon Bay, Califórnia, que acontece de 5 a 7 de setembro.