Projeto blockchain para arquivos nacionais tem sucesso em testes com conteúdo audiovisual

Um projeto blockchain desenvolvido para proteger a integridade e acessibilidade de registros governamentais digitais de arquivos nacionais de todo o mundo irá em preve apresentar resultados de uma experiência de sucesso implementada no Reino Unido, Estônia e Noruega. A notícia foi revelada em um comunicado oficial publicado em 29 de maio.

O projeto, chamado ARCHANGEL, envolve o Arquivo Nacional do Reino Unido, a Universidade de Surrey e o Instituto de Open Data do Reino Unido, com financiamento do Conselho de Pesquisas em Ciências Físicas e Engenharia (The Engineering and Physical Sciences Research Council - EPSRC). A implementação do experimento no Reino Unido, Estônia e Noruega tinha foco em estimular o uso de blockchain e outras tecnologias para enfrentar o futuro a longo prazo dos arquivos de vídeo digital.

Em um artigo acadêmico que será apresentado na conferência CVPR 2019 em Los Angeles na metade de junho, pesquisadores do Centro de Processamento de Visão, Fala e Sinais (Center for Vision, Speech and Signal Processing - CVSSP) da Surrey University destacou o sucesso do desenvolvimento de uma arquitetura sensível a violações e acessível para o futuro arquivamento de conteúdo audiovisual. O sistema foi então protegido usando uma blockchain de prova de autoridade, que é distribuída entre vários arquivos independentes.

Na declaração do comunicado, o professor da universidade de Surrey John Collomosse e o investigador principal do ARCHANGEL disseram que é cada vez mais urgente que as instituições sejam capazes de garantir a proveniência e integridade dos materiais de arquivo para o público, de maneira transparente e considerando o grande volume de conteúdo digital acumulado em arquivos em todo o mundo. Ele completou:

"Combinando as tecnologias de blockchain e inteligência artificial, mostramos que é possível proteger a integridade dos dados de arquivo na era digital. Essencialmente, fornececemos uma impressão digital para arquivos, tornando possível verificar sua autenticidade."

O comunicado diz que o ARCHANGEL faz parte da blockchain testbed Surrey, que inclui mais de £3,5 milhões (US$ 4,4 milhões) da UKRI (UK Research and Innovation) e de projetos financiados pela UE.

O professor Adrian Hilton, diretor da CVSSP, notou em sua declaração que o ambicioso projeto representa uma "grande oportunidade para o Reino Unido liderar a aplicação de tecnologia de contabilidade distribuída para assegurar os arquivos de dados nacionais e pessoais".

O comunicado ainda diz que os arquivos do governo nacional dos Estados Unidos e da Austrália seriam dois lugares onde o projeto ARCHANGEL já teria sido testado até o momento.

Como o Cointelegraph noticiou ano passado, os participantes do ARCHANGEL já assumiram a “promessa de que nenhuma instituição individual poderá tentar reescrever a história”.