Executivo da Blockchain Capital: os mercados pessemistas "fazem coisas pessimistas", mas o BTC tem um potencial "gigantesco"

Spencer Bogart, sócio da firma de capital de risco Blockchain Capital, acredita que as oportunidades de cripto ainda são "gigantescas" apesar do atual mercado de baixa, afirmou o especialista em entrevista à Bloomberg na segunda-feira, 19 de novembro.

O especialista da startup de capital de risco focado em cripto e blockchain manteve sua postura pró-Bitcoin (BTC), apontando o papel crítico do “dinheiro programável”, que deve ganhar ainda mais popularidade ao longo do tempo.

Considerando o dinheiro programável como uma “ideia de vários trilhões de dólares”, Bogart enfatizou o fato de que o Bitcoin se tornou o “maior mercado em alta de todos os tempos”, referindo-se ao pico do Bitcoin de até US $ 20.000 em dezembro de 2017 de mais ou menos US $ 1.000 no início do ano anterior. O especialista ressaltou que, embora o estado atual do mercado de cripto seja oposto ao do ano passado - com os mercados pessimistas “fazem coisas pessimistas” - isso ainda não diminui o potencial “gigantesco” geral do Bitcoin.

Na entrevista, Bogart também expressou sua posição de "mono-cripto", afirmando que o Bitcoin tem o "maior efeito de rede estabelecido" e é "mais de 5 vezes maior do que o número dois de cripto". A comunidade tem procurado o “próximo Bitcoin” desde o surgimento do Bitcoin, e sugeriu que esse compromisso com altcoins é um “jogo perigoso”.

Fundada em 2013, a Blockchain Capital visa auxiliar os empreendedores na criação de empresas globais de criptomoedas e blockchain. De acordo com o site da Blockchain Capital, a empresa é uma das “mais antigas e mais ativas empresas de capital de risco do setor de tecnologia blockchain”, tendo financiado “72 empresas, protocolos e tokens desde a sua criação”.

No início de outubro, Spencer Bogart havia previsto que o preço do Bitcoin já estava quase no fim, observando que "más notícias" no ano passado pareciam "não ter nenhum efeito sobre os mercados", enquanto agora "estamos vendo o outro lado disso".

Recentemente, o proeminente touro de Wall Street Tom Lee manteve sua nova previsão de que o Bitcoin encerrará o ano em US $ 15.000, citando o próximo lançamento da plataforma de ativos digitais Bakkt pela operadora da Bolsa de Nova Iorque (NYSE), bem como a a clareza regulatória esperada, que alegadamente atrairá mais investimentos institucionais.

Com o apoio da Intercontinental Exchange (ICE), a NYSE confirmou recentemente que pretende lançar a plataforma Bakkt em 24 de janeiro de 2019.

Ontem, 20 de novembro, o chefe da firma global de negociação e tecnologia Susquehanna também afirmou que ele ainda acredita no Bitcoin em longo prazo em meio a queda do mercado.