Plataforma de comércio baseada na Blockchain usa IA para simplificar compras online

Uma plataforma de comércio baseada na Blockchain tem planos ousados para simplificar as compras online, ao mesmo tempo em que oferece recompensas significativas pela lealdade e ajuda os consumidores a transformar suas famílias em negócios mantendo seus estoques de itens e sugerindo quando venderem bens de segunda mão.

Mesmo com os clientes mais experientes lutando para encontrar as melhores ofertas, a Eligma acredita que seu sistema de inteligência artificial ajudará as pessoas a economizar tempo precioso em sua busca pelo produto perfeito. Simultaneamente, a empresa está determinada a tornar as moedas cripto mais fáceis de gastar, incentivando os consumidores a usar esse método de pagamento, mesmo que a loja online escolhida ainda não a tenha adotado.

A tecnologia da Eligma será testada em um dos maiores shopping centers da Europa em meados de abril, com o complexo BTC em Ljubljana sendo transformado na "Cidade Bitcoin", disse a empresa.

Pilares do poder de compra

A Eligma diz que três pilares sustentarão sua plataforma: descoberta, inventário e lealdade.

Por meio da descoberta, os compradores poderão usar um mecanismo de recomendação de produtos que vasculha as lojas em busca de itens que atendam às suas necessidades com base em fatores como relação preço/qualidade, prazos de entrega e custos de entrega. Alternativas que o consumidor pode não ter considerado também são exibidas.

Um chatbot multilíngue guiará os usuários em sua jornada e uma vez que uma decisão tenha sido alcançada, o pagamento pode ser feito através de uma conta unificada que traz itens de diferentes lojas online para um único carrinho de compras. A empresa espera que esse sistema intuitivo resgate os compradores do árduo processo de registrar novas contas em todos os sites em que eles compram.

Inventário é o segundo pilar, que visa dar aos consumidores uma visão geral de todos os produtos em sua casa. Por meio da plataforma, eles poderão ver o valor previsto de cada item agora e no futuro. Quando alguém decide vender um produto usado, o sistema Eligma gera e publica automaticamente anúncios em lojas de segunda mão e pode até oferecer recomendações sobre uma substituição. A empresa diz que isso impede que itens valiosos, não usados, acumulem poeira.

O terceiro e último pilar é a lealdade. A Eligma planeja lançar um programa de fidelidade universal, no qual os clientes são recompensados com o token de utilidade da plataforma, o ELI, quando fazem compras em qualquer loja online por meio da plataforma. A empresa espera que isso incentive os comerciantes a criar programas de fidelidade inovadores e ao mesmo tempo acabar com esquemas de fidelidade desarticulados e inativos. A partir daqui, os tokens ELI podem ser usados para novas compras e usados para desbloquear alguns dos recursos da plataforma.

Cortando compradores offline

A maioria dos consumidores da geração X e millennials adora fazer compras online, mas a Eligma deseja atrair compradores de todas as faixas etárias para escolher o comércio eletrônico em vez de lojas de tijolo e argamassa. A empresa planeja lançar uma ferramenta que permitirá que os compradores offline digitalizem um código de barras e encontrem melhores ofertas para esse produto no Eligma.

Sua tecnologia em breve fará parte de um projeto piloto na Cidade BTC- um complexo que atrai 21 milhões de clientes por ano através de suas 450 lojas e 70 restaurantes. O teste permite que os compradores paguem por itens usando dinheiro fiat e criptomoedas. A Eligma espera que esse local se torne o primeiro shopping center de criptomoedas do mundo. Esta fase de testes será usada para melhorar ainda mais sua tecnologia e conceito nos próximos meses.

Pré-venda pública já está aberta

Dejan Roljic, fundador e CEO da Eligma, afirmou: "Eligma é uma poderosa sinergia de mentes criativas e a mais recente tecnologia. Por essa razão, a equipe Eligma e nossos renomados consultores estão animados em lançar nossa pré-venda. É somente com a ajuda de nossos apoiadores e colaboradores que a transformação do comércio da Eligma pode começar."

A pré-venda pública da Eligma vai de 20 de março a 10 de abril, seguida por um crowdsale entre 17 de abril e 8 de maio. A taxa de câmbio simbólica proposta para um token ELI é de US$0,10 e 60% da oferta de token de 500 milhões da empresa está à venda. A plataforma Eligma está sendo apresentada nos eventos de inovação do Blockchain na Alemanha, França, Suíça e Hong Kong nas próximas semanas.

 

Aviso Legal. A Cointelegraph não endossa nenhum conteúdo ou produto nesta página. Embora tenhamos o objetivo de lhe fornecer todas as informações importantes que possamos obter, os leitores devem fazer suas próprias pesquisas antes de tomar quaisquer ações relacionadas à empresa e assumir a total responsabilidade por suas decisões, nem este artigo pode ser considerado como um conselho de investimento.