Usuários do Bitcoin externam frustração à medida que o hasrate cai 50% em 4 dias

Os usuários do Bitcoin (BTC) estão se queixando de transações lentas e caras, uma vez que uma perda de taxa de hash de 50% reduz a rede para a imobilidade.

Os dados da Blockchain.info marcados pelo comerciante SatoSqueeze mostram uma redução de metade da taxa de hash BTC de 8,000 para 4,000 petahash em apenas quatro dias.

"Isso explica a maioria das transações não confirmadas", acrescenta o usuário.

SatoSqueeze diz: hashrate do #Bitcoin caiu mais de 50% de 8,000 Petahash para 4.000 Petahash nos últimos 5 dias. - Isso explica a maioria das transações não confirmadas 

Múltiplos relatos de transações BTC levando horas ou dias para serem confirmados estão surgindo em mídias sociais. O padrão é uma reminiscência do congestionamento da rede nos meses anteriores, quando o mempool do Bitcoin se expandiu para picos recordes.

Desta vez, no entanto, os atrasos são decorrentes da falta de poder em relação à concorrência da Bitcoin Cash (BCH), que atrai mineradores com recompensas significativamente maiores.

Os comentaristas criticaram o BCH por minerar a rede BTC em uma questão que continua a apresentar um intenso debate.

Michael Matthews diz: O BTC está encontrando 4 blocos por hora. O #BitcoinCash está encontrando 43 blocos por hora. Satoshi estava certo. Mineradores vão minerar a cadeia mais lucrativa.

Os últimos problemas para o BTC estão se traduzindo em taxas mais elevadas, bem como em tempos de espera para os usuários enquanto isso, com a taxa de tarifas recomendada mais recente de 21.co a 450 satoshis por byte.

Essa taxa é quatro vezes maior do que a taxa recomendada há apenas algumas semanas e combina com o auge da crise do mempool em maio e junho