Instituição de caridade que opera somente em Bitcoin financia $4 milhões em pesquisa de PTSD

A "Pineapple Fund", uma instituição de caridade que opera em Bitcoin, se comprometeu a doar até $4 milhões em BTC para uma pesquisa sem fins de pacientes de PTSD a partir do princípio ativo MDMA. 

O objetivo da pesquisa da Multidisciplinary Association for Psychedelic Studies (MAPS), é arrecadar $25 milhões em doações para a terceira fase de seus testes com a droga. A MAPS espera usar a psicoterapia assistida com o MDMA como um tratamento eficaz para pacientes com TEP (tromboembolismo pulmonar).

A Pineapple Fund foi criada no início de Dezembro de 2017 por um doador anônimo que acessa o Reddit como / u / PineappleFund. O doador se apresenta como um operador de Bitcoin, cujo objetivo é dar $86 milhões (ou 5057 bitcoins) de capital para instituições de caridade.

Em 10 de Janeiro, foi postado no Reddit por / u / PineappleFund um convite para doações para a MAPS e, também, anunciou a promessa de $4 milhões. A publicação também explica a utilidade dos ensaios MAPS devido ao que o doador anônimo vê como uma falta de tratamentos aprovados pela FDA para aqueles que sofrem de PTSD.

O / u / PineappleFund apelou à comunidade da criptomoeda o envio de pagamentos em Bitcoin ou "fiat "como doações para MAPS:

"Se você também acredita que as drogas psicodélicas podem ter um potencial terapêutico incrível, considere que este é um dos projetos de maior impacto hoje".

O doador anônimo concluiu:

"Eu acredito que todos nós, a comunidade da criptomoeda, podemos financiar totalmente os ensaios da terceira fase. A prescrição de MDMA poderia ser um presente para este mundo. vindo da comunidade bitcoin ".

A aprovação da FDA para essas terapias experimentais está prevista para 2021, aguardando resultados positivos dos ensaios dessa terceira fase.

A Pineapple Fund já transacionou 59,89 bitcoins (chegando ao valor de $1 milhão) até o momento da doação ao MAPS, em 14 de Dezembro de 2017. De acordo com o site da instituição, até agora, cerca de $20 milhões foram doados para 23 organizações, incluindo o Internet Archive,, uma ONG que financia cuidados universais de saúde e uma empresa de tecnologia de blocos filantrópicos.

Pineapple Fund não é a única instituição de caridade que opera exclusivamente em Bitcoin: A BitHope, uma ONG com sede na Bulgária, aceita somente criptomoedas para financiar campanhas de crowdsourced em seu site. Outras instituições de caridade baseadas em Bitcoin incluem BitGive e CommonCollection.


Siga-nos no Facebook