Analista de Bitcoin PlanB diz que dados de mineração indicam começo de uma longa tendência de alta

Segundo o analista de Bitcoin PlanB, os dados do gráfico de dificuldade de mineração podem sugerir que estamos no começo de uma longa tendência de alta para o ativo digital. A análise foi baseada nos dados do site digitalik.net.

A dificuldade de mineração de um bloco de Bitcoin caiu substancialmente perto do final de 2018 e, de acordo com a análise, pode indicar o início de um longo período de alta. Depois de cada queda na dificuldade de mineração, o preço iniciou um ciclo positivo prolongado. A informação foi publicada no Twitter pelo analista PlanB.

A causa da queda na dificuldade de mineração depois do preço do Bitcoin atingir a alta histórica está relacionada à natureza da própria rede. A mineração de Bitcoin foi projetada para ser autorregulada.

Blocos de Bitcoin estão programados para serem criados em um horário regular, com 2016 blocos sendo criados a cada duas semanas exatamente. Quando o tempo de geração do bloco leva mais de duas semanas, a dificuldade diminui e, quando leva menos de duas semanas, a dificuldade aumenta.

Durante as corridas de preço longas, a quantidade de atividade na rede aumenta drasticamente. Isso faz com que o tempo de geração de blocos diminua, causando ajustes crescentes de dificuldade.

Quando o mercado atinge o pico e a atividade na rede diminui, o tempo para gerar blocos aumenta e um ciclo de ajustes de dificuldade para baixo começa. Quando esse ciclo atinge um clímax, a dificuldade cai drasticamente, tornando a geração de blocos mais rápida.

Essa ação de dificuldade sinaliza o início do próximo ciclo de alta e ocorreu no final de 2018. Depois deste ponto, os preços aumentaram bastante durante os ciclos anteriores.

Embora o percentual de crescimento tenha diminuído durante cada ciclo, o preço do Bitcoin no início deste ciclo também é maior. Isso significa que uma variação percentual para cima resultaria em aumentos drásticos nos preços durante o próximo ciclo. Se o gráfico estiver correto, a próxima corrida de preços atingiria o pico em torno de 100x do preço inicial de US$ 3.100 - levando o ativo digital a valer US$ 310.000.

Analistas de mercado utilizam-se dos dados disponíveis para poderem chegar à uma precisão mais correta sobre os ativos analizados. A idéia é utilizar o histórico do ativo e compará-lo com o momento atual. Confira na matéria do Cointelegraph como estão se comportando os principais ativos deste mercado.