Bank of America requisita Três Patentes para Livros-Razão Distribuídos

O Escritório de Patentes e Marcas dos EUA (USPTO na sigla em inglês) publicou os detalhes dos três requisitos de patentes arquivados pelo Bank of America para a tecnologia do livro-razão distribuído (DLT na sigla em inglês) ou a tecnologia Blockchain.

Com base no documento, as patentes foram requisitadas em fevereiro de 2016, e o banco não parece estar disposto a parar por aí, pois planeja ficar grande no Blockhain com 20 patentes pendentes desde 2016 fazendo parecer que ele está tentando monopolizar a indústria no longo prazo.

Detalhes dos pedidos de patente

A primeira patente é intitulada "Sistema de Rastreamento e Validação de uma Entidade em uma Rede de Dados de Processo". O sistema emprega a tecnologia Blockchain para rastrear e validar a identificação de um usuário. O sistema também pode atualizar novas informações sobre um usuário e armazenar e carimbar os dados adicionais à medida que o tempo avança. Entre as informações que podem ser armazenadas e identificadas pelo sistema estão assinaturas, recursos físicos e locais ou endereços de um usuário.

A segunda patente envolve um processo que pode ser usado para validar as mudanças feitas em uma identidade de usuário para permitir que o sistema atualize e desenvolva essas informações ao longo do tempo.

O terceiro pedido patente é intitulado "Sistema para conversão de um instrumento de um instrumento não seguro para um instrumento seguro em uma rede de dados de processo". A patente envolve um sistema ou um programa de computador para gerar e usar uma rede distribuída Blockchain para facilitar a conversão de um instrumento em um instrumento seguro autenticado.

Com base nos pedidos de patente, o banco quer usar a tecnologia Blockchain para validar os indivíduos que estão usando seu sistema, bem como as informações dentro do sistema para facilitar as transações.

Ainda não há aprovações de patentes

Com base em dados públicos, já havia várias empresas que se candidatavam a várias patentes relacionadas à tecnologia Blockchain, incluindo IBM, PayPal e Verizon.

Bank of America também apresentou 10 patentes em 2015, tornando-se uma das empresas mais ativas com pedidos pendentes de patente.

No entanto, o USPTO ainda não aprovou uma única patente deles, na medida em que o número total de pedidos de patentes dobrou no primeiro trimestre de 2017 de várias empresas e indústrias tentando e sinalizando que a tecnologia Blockchain está aqui para ficar e o que vemos de suas aplicações são apenas a ponta do iceberg.