Texas ordena que um alegado programa de investimento em cripto pare e deixe de negociar

Em 5 de abril, o Concelho de Títulos do estado do Texas enviou uma carta de cessação e desistência de emergência a Mark J. Moncher, a Millionaire Mentor University e alguns outros jogadores relacionados que ordena parar de vender títulos não licenciados e fraudar os investidores num alegadamente fraudulento comércio complexo de criptomoedas e investimento em maconha medicinal.

Dois outros involvidos citados na carta, a Estrada Trucking e a Capital Cash, assim como Moncher, são acusados de oferecer notas promissórias que são consideradas títulos não licenciados para uma operação de cultivo de maconha licenciada pela Califórnia. Moncher e a Millionaire Mentor University, ou o Freedom Financial Club, também foram acusados de propositadamente sugerir que os moradores do Texas defraudem as empresas de cartões de crédito.

O programa de comércio de criptomoedas associado a Moncher aparentemente oferecia um retorno semanal de 8% sobre os investimentos, com um investimento mínimo de US $ 2000 e taxa de assinatura de US $ 150 que ambos tiveram que ser pagos com cartão de crédito ou débito.

O programa de comércio de cripto fornecia aos investidores uma fatura declarando que eles compraram um "relógio Seiko de ouro que [eles] nunca receberão", como "proteção caso alguém fuja". No caso de investimentos ruins, os investidores foram sugeridos informar à sua empresa de cartão de crédito ou débito que o relógio nunca chegou e receber seu dinheiro de volta.

A ordem de cessação e desistência observa que os envolvidos no programa de comércio de cripto tentaram propositadamente esconder o aspecto de criptomoeda do investimento, citando-os: "Nós realmente não queremos descrever isso como um investimento em criptomoeda porque desse jeito você está se expondo aos problemas".

Os involvidos também não revelaram que Moncher é um criminoso condenado que serviu por 57 meses por conspiração para cometer fraudes por e-mail e transferências bancárias, além de não revelar os riscos associados aos investimentos em criptomoedas, como a volatilidade do mercado e o potencial de hacking.

O Texas teve uma série de cartas de cessação e desistência às empresas relacionadas à cripto desde o início deste ano. Inclusive, o alegado esquema Ponzi Bitconnect foi ordenada a parar de vender "títulos não licenciados" no Texas no início de janeiro e um banco de criptomoedas supostamente "fraudulento" foi ordenado a sair do estado. Mais recentemente, em meados de fevereiro, os órgãos reguladores do Texas enviaram uma carta de cessação e desistência ao Leadinvest.com, citando a venda de títulos não licenciados e o “dano imediato e irreparável [ameaçando]”.

O site da Millionaire Mentor University de Moncher ainda está ativo no momento da publicação.