Aliant vai pagar parte da remuneração de seus funcionários em Bitcoin

A fornecedora de serviços comerciais dos Estados Unidos e empresa de processamento de pagamentos Aliant Payments pagarão a cada um de seus funcionários parte de seu pacote de remuneração em criptomoeda.

Em comunicado à imprensa em 16 de outubro, a Aliant disse que a oferta refletia o desejo de que os funcionários se tornassem clientes investidos na mudança para a moeda digital.

A solução de processamento de pagamentos cripto da Aliant

A Aliant lançou seu sistema de processamento de cripto para comerciantes, apelidado de CryptoBucks, em 2017 e desenvolveu uma solução totalmente compatível e proprietária em julho de 2018 para processar pagamentos de criptografia, convertê-los em USD e oferecer pagamentos aos comerciantes no dia seguinte.

Em comunicado, o CEO da Aliant, Eric Brown, propôs que:

"A adoção acontece quando você pode ganhar criptomoeda e depois gastá-la."

Brown ressaltou ainda que, com a inclusão da criptomoeda nos pacotes de remuneração dos funcionários, cada membro da equipe da Aliant terá "um grande interesse na criptomoeda, não apenas como algo em que trabalha no escritório".

Soluções para comerciantes e adoção interna entre os funcionários

Ao lado da Aliant, outras empresas do setor vêm trabalhando para diversificar as soluções de processamento de cripto para os comerciantes.

A empresa de tecnologia Blockchain Bitfury Group lançou um software de comércio eletrônico para comerciantes e várias outras ferramentas - incluindo uma carteira de Bitcoin (BTC) de código aberto e um terminal de pagamentos de hardware - em uma tentativa de impulsionar a adoção mais ampla da camada de escalabilidade fora da cadeia do Bitcoin chamada Lightning Network.

Enquanto isso, as iniciativas no local de trabalho para impulsionar a adoção de cripto entre os funcionários incluem o movimento recente da empresa de auditoria Deloitte, da Big Four, para permitir que a equipe pague pelas compras de cantinas usando uma carteira móvel de Bitcoin.