2% dos russos dizem já ter investido em Bitcoin, segundo instituto de pesquisas do país

Apenas 2% dos russos já investiu em Bitcoin (BTC), segundo uma nova pesquisa do Centro de Pesquisas da Opinião Pública Russa (VTsIOM) publicado em 9 de abril.

O VTsIOM, o mais antigo instituto de pesquisas da Rússia pós-soviética, revelou que o Bitcoin não ganhou popularidade no país, com 2/3 dos russos considerando a compra da criptomoeda um mau investmento.

O centro de pesquisas não informou nem o período da pesquisa ou o total de entrevistados envolvidos.

Com isso, 56% dos russos ouvidos disseram que sabiam o que é um Bitcoin, enquanto 18% disseram que haviam ouvido falar, segundo o relatório. Porém, o VTsIOM avaliou o conhecimento como sendo bastante baixo, com 12% dos que afirmaram conhecer o Bitcoin dizendo que o Bitcoin está proibido na Rússia.

O governo russo não definiu uma regulação federal cripto, apesar do parlamento ter passado pela primeira leitura de um projeto de lei cripto em maio de 2018. O projeto foi reenviado à primeira leitura no fim de 2018, depois de relatos de falta de uma série de conceitos importantes, incluindo a mineração cripto. No fim de fevereiro, o presidente russo Vladimir Putin estabeleceu nova data-limite para o Estado adotar regulação cripto até primeiro de julho de 2019.

De acordo com resultados da pesquisa, apenas 9% dos cidadãos russos possuem um conhecimento detalhado do Bitcoin. A taxa de conhecimento é bem maior entre a população masculina, abaixo de 25 anos e com educação superior, assim como entre residentes das duas maiores cidades do país — Moscou e São Petersburgo.

Em novembro de 2018, a Forbes Russia reportou que 5% dos residentes de Moscou que usam métodos de pagamento alternativos ao dinheiro estariam prontos pra usar criptomoedas para pagar suas compras.

Antes, o banco americano Wells Fargo publicou uma pesquisa dizendo que apenas 2% dos investidores dos Estados Unidos possuíam Bitcoins, enquanto 26% disseram estar intrigados com ele. De acordo com os dados da pesquisa, 96% já haviam ouvido falar de Bitcoin, mas apenas 29% disseram saber algo sobre moedas digitais.

Recentemente, o Cointelegraph publicou que a vasta maioria dos ouvidos em uma pesquisa do banco central do Reino Unido dizia que preferiam receber um presente de dinheiro em uma moeda digital.